Política

Operação Mensageiro: prefeito de Tubarão deixará presídio

Joares Ponticelle foi preso no dia 14 de fevereiro, na terceira fase da Operação

29 Jun 2023 - 18h04Por Janici Demetrio
Operação Mensageiro: prefeito de Tubarão deixará presídio  - Crédito: Reprodução/Redes Sociais Crédito: Reprodução/Redes Sociais

O prefeito de Tubarão, Joares Ponticelle (PP), teve o pedido de liberdade aceito pela 5ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça de Santa Catarina (TJSC), nesta quinta-feira (29). Ele será solto mediante o uso de tornozeleira eletrônica por monitoramento durante 180 dias.

Ponticelle foi preso no dia 14 de fevereiro, na terceira fase da Operação Mensageiro. Conforme o site de notícias ND, em seu despacho, a desembargadora Cinthia Beatriz Da Silva Bittencourt Schaefer afirmou que o processo de Tubarão é um dos mais adiantados e que o prefeito cooperou, “sem qualquer atitude comissiva ou omissiva para atrapalhar o andamento dos autos”. 

A investigação da Operação Mensageiro está relacionada à suspeita de fraude em licitação, corrupção ativa e passiva, organização criminosa e lavagem de dinheiro no setor de coleta e destinação de lixo em diversas regiões de Santa Catarina. Desde a primeira fase, em dezembro, 16 prefeitos foram detidos.

O vice-prefeito de Tubarão, Caio César Tokarski, segue preso. Darlan Mendes da Silva, que ocupava o cargo de gerente de gestão municipal de Tubarão, teve o pedido de liberdade aceito nos mesmos moldes de Ponticelli. No entanto, ele continua preso em um processo da Operação Mensageiro que foi enviado à primeira instância na comarca de Armazém.

O prefeito de Lages, Antônio Ceron (PSD), também solicitou a revogação da prisão preventiva, mas o pedido foi negado. Ele foi preso na segunda fase da Operação Mensageiro, em fevereiro de 2023. Ficou detido por duas semanas em Itajaí, mas atualmente está em prisão domiciliar, após a Justiça aceitar um pedido da defesa.
Também apelou pela revogação da prisão o ex-secretário de Serviços Públicos e Meio Ambiente de Lages, Eroni Delfes Rodrigues.

O pedido foi negado.  Já o ex-secretário de Administração e Fazenda do município, Antônio Cesar Alves de Arruda, de 68 anos, teve a prisão preventiva revogada e foi solto com tornozeleira por monitoramento, sob a condição de não se encontrar com outros membros do processo. Ele também está proibido de ir à prefeitura de Lages e deixar a cidade.

A sessão da 5ª Câmara Criminal do TJSC também avaliou os apelos de Osni Decker, ex-diretor da Águas de Guaramirim, que seguirá preso. 

Deflagrada em 6 de dezembro de 2022, a operação Mensageiro já teve quatro fases. Na primeira, quatro prefeitos foram presos, um deles durante uma viagem oficial em Brasília. Na segunda etapa, em 2 de fevereiro, dois prefeitos também foram detidos. Na terceira fase, o prefeito de Tubarão foi detido junto com o vice. Na quarta etapa, foram presos oito prefeitos.

A investigação do Ministério Público de Santa Catarina (MPSC) começou há um ano e meio, após denúncias, acompanhamento de entregas de dinheiro e rastreamento de celulares.

Quer saber das notícias de Jaraguá do Sul e região? Participe dos nosso grupos do WhatsApp ou em nossa Comunidade e ainda no Telegram!


 

Matérias Relacionadas

Geral

Com mais de 500 inscritos, Guaramirim será palco de Seminário Sobre educação Inclusiva

Evento proposto pelo deputado Dr. Vicente Caropreso acontecerá na próxima segunda-feira
Com mais de 500 inscritos, Guaramirim será palco de Seminário Sobre educação Inclusiva
Segurança

Lula sanciona, com veto, projeto que proíbe saidinha de presos

Lula acatou uma recomendação do ministro da Justiça e Segurança Pública, Ricardo Lewandowski, para manter o direito à saída temporária dos presos do semiaberto para visita a familiares
Lula sanciona, com veto, projeto que proíbe saidinha de presos
Política

Projeto certifica Associação dos Amigos da Segurança Púbica de Jaraguá como de utilidade pública

O autor da proposta, deputado Dr. Vicente Caropreso (PSDB), fez uma enfática defesa da entidade, fundada em 2015, destacando suas ações para fortalecer as forças de segurança.
Projeto certifica Associação dos Amigos da Segurança Púbica de Jaraguá como de utilidade pública
Política

Lunelli pede que equipamentos parados sejam instalados com urgência em escola de Jaraguá

Unidade escolar Professora Valdete Piazera aguarda, há dois anos, instalação de lousas digitais, retroprojetores e computadores
Lunelli pede que equipamentos parados sejam instalados com urgência em escola de Jaraguá
Ver mais de Política