INTERNACIONAL

UE também suspende voos com Boeing 737 Max, após acidente da Ethiopian Airlines

12 Mar 2019 - 16h40

A agência de segurança aérea da União Europeia (EASA, a sigla em inglês) informou que, como "medida de precaução" decidiu suspender as operações de todas as aeronaves dos modelos Boeing 737-8 Max e 737-9 Max na Europa. A medida ocorre após a queda, no domingo, de um avião Boeing operado pela Ethiopian Airlines, que resultou na morte de todas as 157 pessoas a bordo.

"Além disso, a EASA publicou uma orientação relativa à segurança, com efeitos a partir das 19:00 UTC, suspendendo todos os voos comerciais efetuados pelos operadores de países terceiros para dentro, ou fora da UE, dos modelos acima mencionados", pontuou o órgão em comunicado.

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Geral

Príncipe Philip morre aos 99 anos

Palácio de Buckingham anunciou que o marido de Elizabeth II morreu nesta sexta-feira. A causa ainda não foi revelada. Em fevereiro, ele passou por uma cirurgia do coração.
Príncipe Philip morre aos 99 anos
Economia

Dólar sobe para R$ 5,64 após dois dias de queda

Bolsa oscilou bastante, mas fechou com pequena alta
Economia

WEG é a sexta maior empresa do Brasil

Empresa jaraguaense tem valor de mercado de R$ 157 bilhões
WEG é a sexta maior empresa do Brasil
Economia

Jaraguaense Bold cresce 30% em 2020 e inicia operações em Hong Kong, na Ásia

A entrada no mercado asiático faz parte do plano de expansão e internacionalização da empresa, que conta com mais de 500 colaboradores e possui 20 mil clientes
Jaraguaense Bold cresce 30% em 2020 e inicia operações em Hong Kong, na Ásia
Ver mais de Mundo