GNet
Caraguá
INTERNACIONAL

Polícia veta protesto na Champs-Elysées

23 Mar 2019 - 06h38

A polícia de Paris anunciou na sexta-feira, 21, que os "coletes amarelos" não poderão se manifestar na região da Avenida Champs-Elysées, em um perímetro que inclui o Palácio do Eliseu e a Assembleia Nacional.

A proibição foi anunciada seis dias depois do saque de lojas e incêndios ocorridos na famosa avenida da capital durante o protesto realizado aos sábados pelos militantes contrários às políticas do presidente Emmanuel Mácron.

O governo francês havia anunciado, na segunda-feira, a demissão do chefe de polícia de Paris e a proibição de manifestações em várias partes do país.

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Caraguá

Matérias Relacionadas

Geral

Olavo de Carvalho morre, aos 74 anos

Informação foi dada pela família nas redes sociais
Olavo de Carvalho morre, aos 74 anos
Economia

WEG vai abrir nova fábrica na Ásia

Previsão de inauguração é para o primeiro semestre deste ano
WEG vai abrir nova fábrica na Ásia
Saúde

Aumento de casos de Covid-19 não deve elevar número de óbitos, afirma ministro

Queiroga disse também que, nos próximos 15 dias, serão distribuídos 14 milhões de testes rápidos de antígenos.
Aumento de casos de Covid-19 não deve elevar número de óbitos, afirma ministro
Geral

Incêndio em Nova York deixa 19 mortos, nove deles crianças

Fogo no bairro de Bronx deixou ainda centenas de feridos
Ver mais de Mundo