INTERNACIONAL

'O Brasil está junto com os Estados Unidos', diz Ernesto Araújo

19 Mar 2019 - 10h30Por Beatriz Bulla, correspondente, e Ricardo Leopoldo, enviado especial

O ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, afirmou nesta segunda-feira, 18, que o melhor exemplo para o Brasil são os EUA, que podem ser grandes parceiros em várias áreas, inclusive comercial. "O Brasil está junto com os EUA. O principal exemplo dessa união é a Venezuela", disse o chanceler, que acompanha o presidente Jair Bolsonaro em visita a Washington.

Segundo Araújo, o país vizinho não tinha esperança de democracia até janeiro deste ano, com o reconhecimento de Juan Guaidó como líder político por diversos governos internacionais, incluindo Brasil e EUA. "Com Guaidó, a Venezuela tem esperança, mesmo sem instrumentos de poder", destacou.

Para o chanceler, os brasileiros querem mais cooperação com os EUA, o que pode resultar em investimentos no País. O ministro ressaltou que o Brasil quer "integração eficiente" com o Mercosul, com livre comércio e democracia, e não quer que o bloco econômico "seja contra os EUA", como, segundo ele, ocorreu em administrações anteriores. De acordo com Araújo, a nova parceria do Brasil com os EUA não significa "alterar" as relações que o País possui com a China.

Na avaliação do ministro, é natural o Brasil pleitear participação na Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), pois a agenda econômica baseada em reforma da Previdência, privatizações, abertura comercial e investimentos em infraestrutura deve melhorar o grau de desenvolvimento do País.

O chanceler afirmou ainda que reformas no Brasil não tiveram sucesso porque não houve pressão do povo sobre políticos. Ele disse ainda que o País precisa de uma economia "aberta" e de uma "sociedade livre", e que reformas econômicas só podem ocorrer no Brasil com princípios conservadores.

Segundo ele, o País adotou posições ideológicas no passado, "o que não funciona". "O sistema não mudaria por si mesmo, somente o presidente Bolsonaro desafia o sistema", disse.

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Saúde

Espanha vai doar medicamentos do kit intubação ao Brasil

Insumos chegarão no final da próxima semana
Segurança

Tiroteio em Indianapolis deixa oito mortos e vários feridos

Incidente ocorreu em um armazém da FedExc, empresa de carga aérea
Saúde

Brasil recebe 2,3 milhões de kits de intubação vindos da China

Insumos foram comprados por grupo de empresas e serão doados ao SUS
Brasil recebe 2,3 milhões de kits de intubação vindos da China
Economia

Dólar cai pelo terceiro dia seguido e aproxima-se de R$ 5,60

lsa de valores tem leve alta, com realização de lucros
Ver mais de Mundo