INTERNACIONAL

Declaração de emergência de Trump será bloqueada, diz líder no Senado

04 Mar 2019 - 16h54

O líder da maioria do Partido Republicano no Senado, Mitch McConnell, afirmou nesta segunda-feira que uma resolução que busca impedir o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, de decretar emergência nacional para construir um muro na fronteira com o México deve ser aprovada pelo Senado. Com isso, Trump deve ter de usar pela primeira vez um veto presidencial para a medida seguir em vigor.

O líder da situação no Senado fez a previsão um dia após o senador republicano Rand Paul se tornar o quarto no partido de Trump a dizer que votará a favor da resolução democrata. Com isso, ela terá votos suficientes para avançar no Senado, após ser aprovada na Câmara dos Representantes na semana passada.

McConnell previu que existe uma grande probabilidade de que o veto não seja derrubado pela Câmara. Trump já anunciou que pretende vetar a resolução democrata e, para reverter isso, a oposição precisaria de dois terços dos votos nas duas Casas, algo improvável.

De qualquer modo, o episódio é negativo para Trump. Muitos republicanos criticaram o fato de o presidente contornar o Congresso para conseguir dinheiro para o muro. Fonte: Dow Jones Newswires.

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Esportes

Flamengo é campeão brasileiro

Rubro-Negro perde de 2 a 1, mas garante oitavo título da história
Flamengo é campeão brasileiro
Economia

Lucro da Weg cresce 48,5% no 4º trimestre, para R$ 742,2 milhões

No ano, o lucro chegou a R$ 2,340 bilhões, avanço de 45% ante o ano anterior
Lucro da Weg cresce 48,5% no 4º trimestre, para R$ 742,2 milhões
Economia

Bolsonaro sanciona projeto que dá autonomia ao Banco Central

Medida prevê mandatos para dirigentes do órgão
Bolsonaro sanciona projeto que dá autonomia ao Banco Central
Economia

Dólar tem pequena queda e fecha a R$ 5,42

Bolsa sobe 0,38% em dia de recuperação
Ver mais de Mundo