Delivery Much
INTERNACIONAL

Brasil e outros países boicotam a Venezuela em conferência da ONU em Genebra

28 Mai 2019 - 15h06

Os embaixadores do Brasil, dos Estados Unidos e de vários países do Grupo de Lima (com exceção do México) boicotaram, nesta terça-feira, 28, a nova presidência venezuelana da Conferência sobre Desarmamento em Genebra, ao não comparecer ou retirar-se do local quando o embaixador da Venezuela, Jorge Valero, iniciou a sessão.

As cadeiras de países latino-americanos como Brasil, Chile, Peru, Argentina, Paraguai e Panamá permaneceram vazias na sessão inaugural da presidência venezuelana, que dura até o dia 23 de junho, enquanto o embaixador americano na conferência, Robert Woods, deixou a sala nos minutos iniciais.

"Independente do que falarem ali, o que decidirem, não tem absolutamente nenhuma legitimidade porque é um regime ilegítimo que preside este fórum", completou, em referência ao governo do presidente Nicolás Maduro.

O embaixador americano saiu da sala imediatamente depois que o embaixador da Venezuela na ONU em Genebra, Jorge Valero, começou a discursar após assumir a presidência.

Woods observou que a presidência da Venezuela na conferência, um órgão criado em 1984 para negociar programas multilaterais de desarmamento, "mina os valores sob os quais esse órgão foi estabelecido" dando voz a "um regime que continua a negar a seu povo o direito de subsistir, que é corrupto e tirano".

"Os Estados Unidos não podem autorizar um regime desse tipo a presidir um órgão ao qual damos tanta importância", destacou Woods, sobre uma conferência que, segundo ele, não alcançou grandes avanços no desarmamento nas últimas décadas.

De sua parte, o embaixador Valero disse em seu discurso inaugural que a presidência venezuelana tentará escutar durante as reuniões semanais que organizará a conferência, todas as vozes, e estabelecer um diálogo "inclusivo".

Estados Unidos e outros 50 países reconheceram o opositor venezuelano Juan Guaidó como presidente interino. "Um representante de Juan Guaidó, o presidente interino, deveria estar neste fórum, deveria estar sentado na cadeira agora mesmo", disse Wood.

A Conferência de Desarmamento (CD) foi um fórum chave da ONU na negociação de acordos de controle de armas, mas nos últimos anos foi bloqueado por divergências diplomáticas.

Wood descreveu a presidência da Venezuela do fórum como "outro dia trágico na história do CD", depois que no ano passado a Síria assumiu o posto, ocupado de maneira rotativa e por ordem alfabética do países membros. COM AGÊNCIAS INTERNACIONAIS

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Política

Biden vai pedir quarentena a passageiros internacionais

Ele pediu ainda o uso de máscaras em transportes entre os estados
Saúde

Weg integra grupo que fará doação para nova usina de oxigênio ao Amazonas

O grupo fará uma doação para o programa Unidos Contra a Covid-19 no valor de R$ 1,6 milhão, referente a uma usina de produção de oxigênio, que deverá dar suporte aos hospitais públicos da região
Weg integra grupo que fará doação para nova usina de oxigênio ao Amazonas
Saúde

Vacinas da Índia devem chegar no fim da tarde de amanhã no Rio

Foram contratadas duas milhões de doses
Vacinas da Índia devem chegar no fim da tarde de amanhã no Rio
Saúde

Covid-19: Índia vai exportar doses de vacina para Brasil nesta sexta

Covid-19: Índia vai exportar doses de vacina para Brasil nesta sexta
Ver mais de Mundo