Joaçaba Pneus
INTERNACIONAL

Brasil condena medidas contra direitos humanos e imprensa na Nicarágua

17 Dez 2018 - 17h40Por Lu Aiko Otta

O governo do Brasil condenou, em nota, a decisão da Assembleia Nacional da Nicarágua de cancelar a personalidade jurídica de organizações de defesa de direitos humanos e as medidas restritivas a jornalistas.

"Tais decisões agravam o quadro de perseguição sistemática a defensores de direitos humanos, além de representarem restrição inaceitável às liberdades individuais, de expressão e de associação", diz a nota distribuída pelo Itamaraty.

No documento, o Itamaraty pede ainda ao governo da Nicarágua que crie condições para "estabelecer o diálogo nacional e restaurar a normalidade das instituições e da convivência democrática."

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Saúde

G7 promete doar 1 bilhão de vacinas contra a covid-19 até 2022

Compromisso consta em documento final da reunião de líderes do grupo
G7 promete doar 1 bilhão de vacinas contra a covid-19 até 2022
Esportes

Brasil abre Copa América com boa vitória sobre a Venezuela

Seleção faz 3 a 0 com gols de Marquinhos, Neymar e Gabriel Barbosa
Brasil abre Copa América com boa vitória sobre a Venezuela
Saúde

Anvisa autoriza vacina da Pfizer para crianças a partir de 12 anos

Estudos foram desenvolvidos fora do Brasil e avaliados pela agência
Anvisa autoriza vacina da Pfizer para crianças a partir de 12 anos
Esportes

Em nota, jogadores da seleção criticam Copa América, mas negam boicote

Texto foi publicado nas redes sociais após vitória contra o Paraguai
Em nota, jogadores da seleção criticam Copa América, mas negam boicote
Ver mais de Mundo