GNet
Barcelona

Messi, CR7 e Neymar pagam juntos mais de R$ 200 mi em impostos na Espanha

14 Out 2015 - 15h04
Já tem se tornado rotina na vida dos jogadores do Campeonato Espanhol problemas com a Receita Federal. Mas, você sabe quanto as principais estrelas da competição precisam pagar para o governo? Foi esse estudo que foi feito pela Fundação Marcet, especializada em economia no esporte.

Segundo a publicação, Cristiano Ronaldo, que já foi eleito o maior salário do espanhol com renda de 35,5 milhões de euros (R$ 157,51). Só que desse valor, o português precisa pagar 18,3 milhões de euros (R$ 75,43 milhões).

O segundo na fila de salário é Lionel Messi, mas ele paga mais imposto. O jogador do Barcelona, de acordo com o estudo, deixa 22,5 milhões de euros (R$ 99,88 milhões) dos seus 35 milhões (R$ 155,29 milhões) por ano para os cofres do governo.

O motivo que leva Messi a pagar mais que Cristiano Ronaldo é o motivo dele viver na Catalunha. Na região, os salários são tributados em 56%. Enquanto isso, o português paga uma taxa de 51,9%, valor que já foi de 24,75% na chamada "lei Beckham", que beneficiava atletas estrangeiros no país, mas não está mais em vigor.

Quem também foi citado pelo estudo foi o atacante Neymar. O jogador ganha 20 milhões de euros (R$ 88,74 milhões) por ano e paga 13 milhões de euros (R$ 57,52 milhões) de impostos.

O estudo ainda mostra a diferença gigantesca entre Barcelona e Real Madrid para os demais clubes. Ricardo Costa, que trocou o Valencia pelo Panathinaikos, foi quem mais pagou imposto no último ano, mas ele deixou "apenas" 3,7 milhões de euros (R$ 16,43 milhões).

"A elevada carga fiscal na Espanha levou alguns jogadores a desenvolver uma engenharia fiscal em paraísos fiscais e outras fórmulas", concluiu o estudo.
GNet

Matérias Relacionadas

Esportes

Abertas as inscrições para a Taça Jaraguá do Sul de Futebol

O Congresso Técnico ocorre às 18 horas da próxima segunda-feira (18), na Arena Jaraguá.
Abertas as inscrições para a Taça Jaraguá do Sul de Futebol
Esportes

Felipão deixa comando técnico do Grêmio após derrota para Santos

Tricolor gaúcho é o vice-lanterna na classificação geral do Brasileiro
Felipão deixa comando técnico do Grêmio após derrota para Santos
Política

(VÍDEO) Presidente é impedido de ver jogo do Santos

Em agosto, a CBF (Confederação Brasileira de Futebol) publicou um protocolo para a volta dos torcedores ao estádio
(VÍDEO) Presidente é impedido de ver jogo do Santos
Esportes

Juventus vence o Caçadorense e conquista primeira vitória na Copa SC

Com o resultado, o Tricolor entra na briga pela classificação à semifinal. A equipe de Tuca Guimarães agora é sexto lugar, com quatro pontos
Juventus vence o Caçadorense e conquista primeira vitória na Copa SC
Ver mais de Futebol