Imobiliária Coralli
Geral

Polícia investiga caso de bebê encontrado morto em armário no RS

13 Fev 2012 - 15h33

A Polícia Civil de Santa Maria, Região Central do Rio Grande do Sul, investiga o caso de um bebê encontrado morto dentro de uma mochila guardada em um armário neste domingo (12). Um exame de necropsia vai determinar se a criança nasceu morta ou morreu após o parto, que teria ocorrido na última sexta-feira (10). De acordo com a polícia, familiares da mãe, de 13 anos, desconheciam a gravidez.


Parentes da adolescente entraram em contato com a Brigada Militar quando encontraram o bebê morto, ainda estava com o cordão umbilical. O Instituto Geral de Perícia esteve na casa da família na tarde de domingo. "A adolescente vai responder pelo ato infracional, e a perícia vai ter condições de apurar com mais certeza. Pode se tratar de aborto, se a criança nasceu sem vida, pode ser que tenha ocorrido um infanticídio, e no momento não se pode descartar  homicídio", diz o delegado Guilherme Francisco Paulo.

Segundo a Polícia Civil, os pais afirmaram que a filha fazia tratamento psicológico. A adolescente teve sangramento ainda na sexta-feira, pediu ajuda aos pais e foi levada ao pronto-atendimento municipal. No local, a médica de plantão constatou que ela tinha realizado um parto. Ela foi encaminhada ao Hospital Universitário de Santa Maria, onde permanece internada, sem previsão de alta.

GLOBO.COM

Matérias Relacionadas

Economia

Confiança do empresário industrial cresce pelo quinto mês consecutivo

Indicador está 3,1 pontos abaixo do registrado antes da pandemia
Confiança do empresário industrial cresce pelo quinto mês consecutivo
Geral

Lei Geral de Proteção de Dados entra em vigor

Governo ainda precisa criar Autoridade Nacional de Proteção de Dados
Lei Geral de Proteção de Dados entra em vigor
Saúde

Pesquisadores criam tecido para restaurar nervos e ossos lesionados

A descoberta poderá ajudar pessoas que têm dificuldade para realizar atividades do dia a dia e ajudar o corpo delas a se curar sozinho das lesões
Pesquisadores criam tecido para restaurar nervos e ossos lesionados
Geral

Sargento despede-se do 14º Batalhão

Sargento despede-se do 14º Batalhão
Ver mais de Geral