Unimed - Capa
Geral

Catarinenses trabalham em média 41,3 horas semanais

06 Dez 2012 - 16h59

Nem São Paulo, nem Rio de Janeiro. O estado brasileiro onde as pessoas mais trabalham é o Amapá, de acordo com dados do estudo Síntese de Indicadores Sociais 2012, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).


Segundo o levantamento, realizado com pessoas a partir de 16 anos, os amapenses trabalham 41,4 horas por semana, enquanto a média brasileira é de 38,6 horas. Os homens do estado da região Norte trabalham em média 44 horas, enquanto as mulheres trabalham 38,8 horas.   Santa Catarina aparece na segunda colocação nacional. A média de horas trabalhadas por semana no Estado é de 41,3 horas: 43,4 para os homens e 39,1 para as mulheres - as catarinenses são as que mais trabalham no Brasil.  

Centro econômico do país, São Paulo figura na terceira posição. No estado paulista, as pessoas trabalham em média 41,2 horas por semana. Em seguida aparecem Mato Grosso (41 horas), Goiás (40,6 horas) e Rio de Janeiro (40,5 horas).   Os estados que registraram as menores médias de horas trabalhadas por semana foram Piauí (32,9), Maranhão (34,9) e Paraíba (36,4).   Homens trabalham quase sete horas a mais que as mulheres  

No Brasil, em média, os homens trabalham 6,9 horas a mais por semana do que as mulheres. O menor contraste neste sentido é visto no Distrito Federal, com apenas 3,3 horas de diferença entre eles e elas. Já o maior é observado no Piauí, onde os homens trabalham em média dez horas mais que as mulheres.  

No Piauí, mulheres trabalham em média apenas 27,9 horas.


A maior média de trabalho entre os homens é verificada no Mato Grosso e Mato Grosso do Sul, onde eles trabalham em média 44,8 horas semanais. Esses dois estados só não estão na liderança do ranking nacional porque a média das mulheres - 37,1 e 35,2, respectivamente - puxa a média geral para baixo.  

Já no Piauí as mulheres trabalham apenas 27,9 horas por semana, a mais baixa média entre todos os estados brasileiros.

NOTICENTER.COM.BR

Matérias Relacionadas

Geral

Cartórios já podem autenticar documentos por meio digital

Certificação de cópias passa a ser de forma online
Cartórios já podem autenticar documentos por meio digital
Geral

Equipamentos públicos prestam assistência às mulheres vítimas de violência

Os profissionais dos Creas auxiliam as mulheres vítimas de violações de direitos com encaminhamentos e orientações referentes a serviços de Saúde, Educação, Defensoria Pública, Jurídicos e outros que forem necessários
Equipamentos públicos prestam assistência às mulheres vítimas de violência
Geral

Chuva provoca alagamentos em Guaramirim; Veja fotos

Choveu mais de 124 milímetros na madrugada, causando alagamentos em diversos bairros.
Chuva provoca alagamentos em Guaramirim; Veja fotos
Geral

Caminhão pega fogo na SC 108 em Massaranduba

Ninguém se feriu
Caminhão pega fogo na SC 108 em Massaranduba
Ver mais de Geral