transito
Educação

Mundo SENAI apresenta projetos para aplicação na indústria

O evento, que ocupou todos os ambientes da unidade de Jaraguá do Sul e ocorreu simultaneamente em outras cidades de Santa Catarina, tem como foco apresentar ideias discutidas em sala de aula, apontando soluções para a indústria.

12 Nov 2018 - 19h30

Robôs para a movimentação de materiais dentro da fábrica, ou para o deslocamento de contêineres em área portuária, um eletroposto para abastecimento de veículos com energia solar que transfere a energia captada excedente para a rede, são alguns dos projetos que a comunidade pôde conhecer no Mundo SENAI, realizado nos dias dias 8 e 9.

O evento, que ocupou todos os ambientes da unidade de Jaraguá do Sul e ocorreu simultaneamente em outras cidades de Santa Catarina, tem como foco apresentar ideias discutidas em sala de aula, apontando soluções para a indústria. Estudantes e professores se preparam durante o ano letivo, demonstrando na prática as oportunidades de formação de jovens para o mundo do trabalho.

“O Mundo SENAI apresenta esta janela a quem está iniciando o ensino médio, mas também oferece aos estudantes do ensino técnico ou de cursos superiores uma variedade de cursos que estão ajustados às novas exigências do mercado”, assinala Osvair de Almeida Matos, diretor regional da instituição no Vale do Itapocu.

Nos dois dias, cerca de 3.600 pessoas passaram pelo evento em Jaraguá do Sul. Professores e alunos de escolas da região, e a comunidade em geral, acompanharam uma programação que reuniu palestras, oficinas com minicursos e até um desfile de moda, entre outras demonstrações práticas de atividades da rotina da indústria.

Para muitos jovens, também foi uma oportunidade de conhecer as instalações do SENAI e ver de perto a estrutura que pode ser decisiva no momento de escolher uma futura profissão. “Gosto mais de atividades que estimulam a reflexão, o debate, mas conhecendo os cursos podemos ver que há muitas possibilidades no campo da tecnologia”, disse Bianca da Silva, de 14 anos, uma das estudantes da Escola Ana Nagel que a coordenadora pedagógica Eliane Montibeller trouxe ao evento.

“Já trouxemos ouras turmas em edições anteriores, é algo fantástico porque dá a chance destes jovens se despertarem para futuras vocações. Vivenciar isto na prática faz toda a diferença quando chegar o momento de buscar uma formação profissional”, atesta a educadora.

Gabrielle de Oliveira, aluna do curso técnico de edificações, participou pela primeira vez do Mundo SENAI. “É muito legal poder mostrar para os outros colegas e para a comunidade o que estamos aprendendo. Muitos jovens nem sempre têm uma chance de conhecer as profissões e ficam indecisos no que fazer”, diz a adolescente. Da mesma turma, Carolina Bridaroli Gorges lembra que ela e as colegas já desenvolvem projeto de uma casa de 80 metros quadrados, tendo como referência o aprendizado em sala de aula.

Dentre os projetos apresentados está o selecionado em segundo lugar em competição nacional de robótica. Roger Alexander Moresco, que desenvolveu o protótipo juntamente com Rafael Glatz, expôs aos visitantes os conceitos da iniciativa e a oportunidade de realização profissional.

Outra experiência, de alunos do ensino articulado com o profissionalizante demonstrou como as ondas sonoras se movimentam, utilizando no experimento uma caixa de som que, conforme os graves e agudos, fazia chamas aumentarem ou diminuírem. Em uma das oficinas, a turma do curso de ensino e aprendizagem em programas de computadores participava de oficina para conhecer a aplicação de um veículo guiado remotamente por meio de um aplicativo no smartphone.

A moda também ganhou destaque no Mundo SENAI com um desfile organizado por professores e alunos das turmas de aprendizagem industrial de calçados, de confeccionador de moldes de roupas, utilizando peças produzidas pelos cursos técnico em produção de moda e de confeccionador de moda.

Matérias Relacionadas

Educação

Estudantes têm até esta sexta-feira para se inscrever no Enem

Inscrições devem ser feitas na Página do Participante
Estudantes têm até esta sexta-feira para se inscrever no Enem
Educação

SC fecha primeiro semestre com mais de 31 mil matriculados na Educação Profissional e Tecnológica

Os cursos técnicos do CaTec têm duração de um ano, com carga horária mínima de 800 horas.
SC fecha primeiro semestre com mais de 31 mil matriculados na Educação Profissional e Tecnológica
Educação

15,9% dos jovens não estudam e nem trabalham, diz governo

Levantamento é da Subsecretaria de Estatísticas e Estudos do MTE
15,9% dos jovens não estudam e nem trabalham, diz governo
Jaraguá do Sul

Taxa de analfabetismo de Jaraguá do Sul está entre as menores de SC

Segundo o IBGE, apenas 2.100 dos 182 mil jaraguaenses não sabem ler e escrever
Taxa de analfabetismo de Jaraguá do Sul está entre as menores de SC
Ver mais de Educação