105 Ouça
Caraguá
ECONOMIA

Guedes defende proposta em reunião no STF

22 Fev 2019 - 09h02Por Rafael Moraes Moura e Amanda Pupo

No dia em que a proposta de reforma da Previdência chegou ao Congresso, o ministro da Economia, Paulo Guedes, saiu em defesa das mudanças em encontro com ministros do Supremo Tribunal Federal (STF). Reforçou que a medida vai garantir mais justiça social e será fundamental para a recuperação das contas públicas, segundo apurou o Broadcast, serviço de notícias em tempo real do Grupo Estado.

Embora os 11 ministros do STF tenham sido convidados para o encontro, apenas 5 compareceram.

A audiência de Guedes no STF havia sido marcada inicialmente apenas com o presidente da Corte, ministro Dias Toffoli, que decidiu estender o convite aos outros integrantes do tribunal. Desde que assumiu o comando da Suprema Corte em setembro do ano passado, Toffoli defende um pacto nacional republicano com os demais Poderes para criar um ambiente de segurança jurídica e viabilizar reformas - entre elas, a da Previdência.

Os ministros Gilmar Mendes, Alexandre de Moraes e Luís Roberto Barroso também acompanharam a audiência com Guedes - os três são considerados dentro do STF mais "sensíveis" à situação das contas públicas. O quinto ministro do STF presente à audiência foi o relator da Operação Lava Jato, ministro Edson Fachin. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Caraguá

Matérias Relacionadas

Economia

Receita abre consulta a lote residual de restituições do IR

Contribuintes receberão crédito bancário no próximo dia 31
Receita abre consulta a lote residual de restituições do IR
Economia

Oportunidade de trabalho

Confira!
Oportunidade de trabalho
Segurança

Banco Central comunica vazamento de dados de 160,1 mil chaves Pix

Foram vazados dados cadastrais da Acesso Pagamentos
Banco Central comunica vazamento de dados de 160,1 mil chaves Pix
Economia

Presidente negocia PEC para zerar impostos sobre combustíveis

Em 2021, a gasolina e o diesel subiram 47%, Etanol acumula alta de 62%
Presidente negocia PEC para zerar impostos sobre combustíveis
Ver mais de Economia