Saúde

Com a chegada do verão aumenta o risco de proliferação do mosquito Aedes aegypti

Diretor da Vigilância em Saúde sugere o uso do PEV para evitar acúmulo de materiais como pneus em áreas residenciais e criação de novos focos do transmissor da dengue, chikungunya e zica.

21 Nov 2019 - 13h45Por Da Redação
Com a chegada do verão aumenta o risco de proliferação do mosquito Aedes aegypti - Crédito: Divulgação / PMJS Crédito: Divulgação / PMJS

O período mais quente do ano está chegando e promete ser intenso em Jaraguá do Sul e região. E é neste tempo de temperaturas mais elevadas que os órgãos de Saúde Pública chamam a atenção da comunidade quanto a proliferação de doenças como a dengue. Segundo o diretor municipal de Vigilância em Saúde, Dalton Fischer, normalmente é época de alertas para que os cidadãos evitem o o acúmulo de água em objetos domésticos ou entulhos, fator que favorece a proliferação do mosquito Aedes aegypti transmissor da já mencionada dengue além da chikungunya e zica. “Nos últimos anos foram foram feitas campanhas constantes sobre prevenção diante deste problema”.

No entanto, existe outro problema apontado por Fischer. “Tem a questão dos pneus já que muita gente ainda não faz o descarte correto deste material o que acaba gerando risco de surgimentos de novos focos de larva do mosquito".

Graças a um trabalho intenso feito há alguns anos junto a borracharias e autocenters pela própria Secretaria de Saúde, hoje estes estabelecimentos já fazem o descarte correto dos pneus inservíveis.

“Porém aquele cidadão que tem na sua residência um, dois quatro pneus e não sabe onde levar esse material pode levar até o PEV que é localizado nas imediações na Arena Jaraguá”. Inaugurado este ano e administrado pela Fundação Jaraguaense de Meio Ambiente (Fujama) e pelo Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto (Samae), o local está preparado para receber materiais inservíveis como eletroeletrônicos estragados, moveis velhos, entre outros materiais sem uso. “Material como pneus”, emenda o diretor da Vigilância em Saúde.

Apesar do número de focos do mosquito da dengue ter reduzido nos últimos meses no Município a a atual situação ainda inspira cuidados. “Este ano, até o momento tivemos confirmados 40 focos do mosquito. No mesmo período, em 2018, tivemos 45 focos. Porém, diferentemente de outros anos, os focos de 2019 estão mais dispersos, mais espalhados, o que torna muito mais difícil o controle e a prevenção”, observa Fischer.

Ele acrescenta que desde o mês de maio os bairros Vila Baependi e Centro foram considerados infestados. “Por isso nosso apelo à população que procure redobrar os cuidados na residência, seja no tampão da caixa d’água, seja limpando as calhas, eliminando vasinhos de plantas ou colocando areia nos fundos do vaso para evitar o acúmulo de água e, é claro, o descarte correto de pneus”,

Dalton Fischer aborda ainda que é muito comum famílias deixarem a cidade nas proximidades do Natal e Ano Novo para passar as festas em casas de parentes em outras cidades ou em praias próximas. “Então antes de pegar a estrada se certifique que não ficou nenhum vasinho de planta acumulando água ali no jardim, ou mesmo pneus, baldes, entre outros objetos que acumulem água. Faça esta vistoria até para fazer uma viagem tranquila e também não colocar em risco a própria vizinhança".

SERVIÇO

O PEV funciona de segunda a sexta-feira das 7 às 19 horas, e sábados das 8 às 14 horas na rua Leocádio Rodrigues (Vila Lenzi) - entre as ruas Goiás e Erich Aben - próximo da Arena Jaraguá.


Quer ser o primeiro a saber das notícias de Jaraguá do Sul e Região? CLIQUE AQUI e receba direto no seu WhatsApp! 

Matérias Relacionadas

Atenção

Santa Catarina registra casos de gripe mesmo com a proximidade do verão

A responsável técnica pela influenza em Santa Catarina, Simone Bittencourt, ressalta que, apesar da circulação do vírus ser mais intensa no inverno, ele está presente todos os meses do ano
Santa Catarina registra casos de gripe mesmo com a proximidade do verão
Saúde

Anvisa autoriza fabricação e venda de medicamentos à base de Cannabis

A decisão foi tomada por unanimidade pela diretoria colegiada da agência reguladora. O parecer apresentado em reunião ordinária pública nesta terça-feira (3), em Brasília, está disponível na internet.
Anvisa autoriza fabricação e venda de medicamentos à base de Cannabis
Saúde

Dezembro laranja marca campanha de prevenção ao câncer de pele

Em Jaraguá do Sul, 10 médicos dermatologistas participam voluntariamente da campanha no sábado (7).
Dezembro laranja marca campanha de prevenção ao câncer de pele
Saúde

Mais de 370 mil ainda precisam se imunizar contra o sarampo em SC

Apesar da campanha ter terminado, a Secretaria de Estado da Saúde Santa Catarina (SES) ressalta que as doses da vacina continuam disponíveis nas mais de mil salas de vacinação do estado.
Mais de 370 mil ainda precisam se imunizar contra o sarampo em SC
Ver mais de Saúde