Campanha Sarampo
Santa Catarina

Epagri oferece curso de capacitação em maricultura para pessoas em situação de rua

O objetivo é gerar oportunidade de trabalho para pessoas que enfrentam dificuldades de inserção no mercado

12 Out 2019 - 15h00Por Da Redação
Epagri oferece curso de capacitação em maricultura para pessoas em situação de rua - Crédito: Ricardo Wolffenbüttel/Secom Crédito: Ricardo Wolffenbüttel/Secom

De 14 a 18 de outubro, a Epagri vai capacitar 15 moradores de rua de Florianópolis em maricultura. O objetivo é gerar oportunidade de trabalho para pessoas que enfrentam dificuldades de inserção no mercado. As aulas serão oferecidas na passarela Nego Quirido, onde funciona o Centro de Referência Especializado para População em Situação de Rua - chamado Centro POP -, e no Ribeirão da Ilha.  

Schützenfest

Os participantes foram previamente selecionados pela prefeitura e vão estudar temas como conceito de maricultura, características do setor em Santa Catarina e anatomia, fisiologia e alimentação de moluscos bivalves. O grupo vai aprender também a parte técnica da atividade de produção, como montagem e manutenção dos artigos de captura dos moluscos. 

“Depois do curso, a probabilidade do morador de rua, então capacitado, ser contratado como freelancer é grande, pois existe falta de mão de obra qualificada na maricultura”, diz o coordenador do curso e extensionista da Epagri em Florianópolis, Philipe Medeiros da Costa. No último dia da capacitação, os moradores vão entregar seus currículos aos maricultores. 

O curso será ministrado pelo extensionista Philipe e por representantes da Associação de Maricultores do Sul da Ilha (Amasi). O projeto é uma parceria das duas entidades com a Superintendência de Pesca, Maricultura e Agricultura da prefeitura de Florianópolis. Os recursos para a capacitação são do Instituto de Geração de Oportunidades de Florianópolis (Igeof).

Produção

Santa Catarina é responsável por quase toda a produção nacional de mexilhões, ostras e vieiras. De acordo com os dados do Centro de Desenvolvimento em Aquicultura e Pesca (Epagri/Cedap), o Estado produziu mais de 14 mil toneladas desses moluscos em 2018. Florianópolis participa com uma produção de aproximadamente três toneladas.


Quer ser o primeiro a saber das notícias de Jaraguá do Sul e Região? CLIQUE AQUI e receba direto no seu WhatsApp! 

Matérias Relacionadas

Geral

Passa de 50 metros altura que menina caiu em Piçarras, afirma IGP

Na úlitma segunda-feira (21) técnico do Instituto Geral de Perícias estiveram no local e constatou que a criança caiu em um fosso de ventilação.
Passa de 50 metros altura que menina caiu em Piçarras, afirma IGP
Geral

Menina morre após cair do 18º andar de prédio em construção em Piçarras

A criança chegou a ser socorrida pela família, levada para o pronto atendimento, mas não resistiu aos ferimentos
Menina morre após cair do 18º andar de prédio em construção em Piçarras
Santa Catarina

Governadores do Sul e Sudeste apelam por simplificação de serviços públicos

Os governadores dos sete estados do Sul e Sudeste assinaram, no sábado (19), a Carta de Florianópolis, resultado de dois dias de reuniões, estudos e debates do 5º Consórcio de Integração Sul e Sudeste (Cosud), realizado no Costão do Santinho, em Florianóp
Santa Catarina

Santa Catarina tem a menor desigualdade de renda do país, aponta IBGE

Os dados, referentes ao ano de 2018, mostram que o rendimento dos 10% mais ricos do estado equivale a 12,6 vezes o rendimento dos 10% mais pobres
Santa Catarina tem a menor desigualdade de renda do país, aponta IBGE
Ver mais de Santa Catarina