POLÍTICA

'Se andar bem sou aliada, se andar mal sou inimiga', diz Janaina sobre Bolsonaro

18 Dez 2018 - 09h43Por Daniel Weterman

A deputada estadual eleita pelo PSL em São Paulo Janaína Paschoal condicionou seu apoio ao governo do presidente eleito, Jair Bolsonaro (PSL), a um não envolvimento com corrupção e afirmou que sua postura individual será de independência.

"Se andar bem, sou aliada, se andar mal, sou inimiga", disse Janaína nesta terça-feira, 18, na capital paulista, ao chegar para cerimônia de diplomação de políticos paulistas eleitos em outubro. Ela destacou que terá a mesma posição em relação ao futuro governador de São Paulo, João Doria (PSDB).

Na semana passada, a deputada eleita defendeu uma investigação a respeito da movimentação atípica na conta do ex-assessor do senador eleito e filho do futuro presidente, Flávio Bolsonaro (PSL-RJ).

Matérias Relacionadas

Geral

Cerimonial Especial marca a programação dos 145 anos de Jaraguá

A solenidade homenageou, com entrega de placas e flores, pessoas que integram a campanha de aniversário "Jaraguá do Sul, uma história inesquecível", instituições e profissionais dedicados à saúde e combate ao Coronavírus
Cerimonial Especial marca a programação dos 145 anos de Jaraguá
Política

Luciano Hang não descarta candidatura ao Senado

O empresário já foi filiado ao MDB, mas hoje está sem partido.
Luciano Hang não descarta candidatura ao Senado
Economia

Lunelli sanciona lei que institui o Sandbox Regulatório

Jaraguá do Sul é um dos primeiros municípios a aprovar esta lei. O objetivo é possibilitar que empresas, já constituídas, tenham autorização temporária para testar negócios inovadores
Lunelli sanciona lei que institui o Sandbox Regulatório
Saúde

Hospital São José busca apoio para compra de equipamento de Hemodinâmica

Nesta semana, integrantes da diretoria do Hospital apresentaram pedido para aquisição do equipamento ao deputado estadual, Vicente Caropreso.
Hospital São José busca apoio para compra de equipamento de Hemodinâmica
Ver mais de Política