Política

Retirado de pauta projeto que concede reposição salarial aos servidores públicos municipais de Jaraguá

O reajuste corresponde a inflação de 2019 – que deve ser algo em torno de 3,41% - o valor será divulgado em abril desse ano.

27 Mar 2020 - 10h59Por Sérgio Luiz
Retirado de pauta projeto que concede reposição salarial aos servidores públicos municipais de Jaraguá - Crédito: Divulgação Crédito: Divulgação

Os vereadores de Jaraguá do Sul se reuniram em sessão extraordinária na manhã desta quinta-feira (26) com o objetivo de votar o projeto que concede a reposição salarial aos servidores públicos municipais, mas a matéria foi retirada da pauta, a pedido Prefeitura. O reajuste corresponde a inflação de 2019 – que deve ser algo em torno de 3,41% - o valor será divulgado em abril desse ano.  

O diretor de decisões administrativas da Prefeitura, João Berthi, foi a Câmara explicar os motivos para o pedido de retirada de pauta da matéria. Conforme ele,  a reposição de 3,41% dará um incremento de R$ 10.559.042,04 na folha de pagamento. E mais R$ 252.827,85 com o vale alimentação. 

"Com responsabilidade que me é inerente a função de administrador municipal, e considerando a situação contemporânea enfrentada pela sociedade mundial, com reflexos sociais e econômicos ainda impossíveis de estimar, vimos à presença de Vossa Excelência solicitar que o Projeto de Lei Ordinária constante da Mensagem Nº 078/2020 de 18 de março de 2020 – Que concede revisão geral nos níveis de vencimentos, salários, subsídios, proventos, cargos em comissão e funções de confiança dos servidores que integram o quadro de pessoal da Administração Municipal, seja RESTITUÍDO ao correspondente”, diz a mensagem.  

O presidente da Câmara, Isair Moser, se disse surpreso com o pedido para retirar o projeto que estava pronto para ser votado. 

O vereador Rogério Jung também se disse surpreso devido a não votação do projeto que trata da reposição salarial dos servidores. 

Matérias Relacionadas

Economia

Bolsonaro confirma mais duas parcelas do auxílio emergencial

Valor será menor do que os atuais R$ 600
Bolsonaro confirma mais duas parcelas do auxílio emergencial
Política

Bolsonaro nomeia coronel para Secretaria Executiva da Saúde

Antonio Elcio Franco Filho foi nomeado hoje
Política

[AO VIVO] CPI adia acareação e ouve secretário da Saúde nesta quinta

[AO VIVO] CPI adia acareação e ouve secretário da Saúde nesta quinta
Política

Lei da Ficha Limpa faz dez anos

Sociedade civil vê avanço, mas não suficiente para combater corrupção
Ver mais de Política