Imobiliária Coralli
Política

Projeto que destina recursos do orçamento para àreas de lazer é retirada da pauta

11 Mai 2012 - 17h52

O projeto que destina recursos do orçamento da Câmara de Vereadores para construção de áreas de lazer e outras ações foi novamente retirado da pauta, desta vez a pedido de Justino da Luz. A proposta estava na pauta da sessão desta quinta-feira, 10. Na reunião anterior, a solicitação partiu do vereador Jean Leutprecht, em razão de um pedido de informações sobre as áreas de lazer, aprovado no mês de março e que até agora não foi respondido pelo Executivo. Para Leutprecht, a aprovação do projeto pela Casa fica condicionada ao fornecimento das informações.  Conforme Justino, o projeto vem ao encontro das necessidades da comunidade. Lembrou que por inúmeras vezes a necessidade de espaços próprios para atividades de lazer e esporte foi levantada na tribuna. O vereador também fez menção a uma entrevista à imprensa concedida pelo secretário Valdir Bordin, em que garantia que todas as informações solicitadas pela Câmara seriam repassadas.


A proposta destina, ao todo, R$ 230 mil do orçamento do Legislativo para implantação das áreas de lazer, compra de parques infantis nos bairros e de materiais esportivos.

Matérias Relacionadas

Política

Governo do Estado emite nota sobre Operação Pleumon

Ação cumpriu mandados de busca e apreensão na Casa d’Agronômica e no Centro Administrativo.
Governo do Estado emite nota sobre Operação Pleumon
Política

Ministério Público cumpre mandado na casa do governador, em Florianópolis

O objetivo da operação é subsidiar o inquérito que apura fraudes na compra de respiradores para enfrentamento da pandemia da covid-19 no estado. O contrato sob suspeita movimentou R$ 33 milhões.
Política

Eleitor poderá justificar falta pelo celular

e-Título estará atualizado até as eleições para a justificativa
Eleitor poderá justificar falta pelo celular
Política

Saiba mais sobre o rito do julgamento no tribunal especial

O documento estabelece como será a sequência de trabalhos do tribunal formado por deputados e desembargadores que vai julgar Moisés e Daniela e poderá destituir governador e vice de seus cargos
Saiba mais sobre o rito do julgamento no tribunal especial
Ver mais de Política