Imobiliária Coralli
Política

Prefeito atual e eleito de Guaramirim se reúnem hoje para iniciar transição

31 Out 2012 - 11h26

O atual prefeito de Guaramirim, Nilson Bylaardt (PMDB), e o eleito Lauro Frölich (PSD), devem se reunir nesta manhã, às 10h, para começar o processo de transição de governo. Nesta terça-feira (30), no Jornal da Jaraguá edição do meio-dia, Nilson Bylaardt afirmou que abrirá as portas para a equipe do futuro prefeito se inteirar da situação em que se encontra a Prefeitura. Bylaardt lembrou que quando venceu as eleições em 2008, preferiu não fazer transição de governo, mas, está disposto a ouvir o que o eleito tem a dizer.

[jwplayer mediaid="68538"]

Sobre a situação atual da Prefeitura, no fechamento do mandato, Nilson Bylaardt, destaca que houve cerca de 50 demissões do quadro de confiança. Outras pessoas devem ser desligadas das suas funções no fim de novembro e, serão mantidos os servidores gestores de fundos municipais e conselhos. De acordo com Nilson Bylaardt, a Prefeitura precisa economizar até 31 de dezembro aproximadamente R$ 2 milhões, dinheiro que segundo ele, é o resultado das perdas de arrecadação.

[jwplayer mediaid="68540"]

(ROGÉRIO TALLINI)

 

Matérias Relacionadas

Política

Justiça Eleitoral já registrou 251 pedidos de candidaturas na microrregião

Os dados constam no sistema DivulgaCandContas, plataforma desenvolvida pelo TSE, e foram consultados na noite de segunda-feira (21).
Justiça Eleitoral já registrou 251 pedidos de candidaturas na microrregião
Política

Eleições 2020: 72 parlamentares vão entrar na disputa por prefeituras

Número segue a tendência das eleições de 2016
Eleições 2020: 72 parlamentares vão entrar na disputa por prefeituras
Política

Assembleia autoriza julgamento do governador e da vice no caso do reajuste dos procuradores

A autorização do julgamento não implica no afastamento imediato de Moisés e Daniela de seus cargos.
Assembleia autoriza julgamento do governador e da vice no caso do reajuste dos procuradores
Política

Alesc vota o impeachment de Carlos Moisés e Daniela nesta tarde

Na sessão, cada partido com representação na Alesc terá até uma hora para se manifestar sobre os projetos de decreto legislativo, que serão discutidos e votados em separado.
Alesc vota o impeachment de Carlos Moisés e Daniela nesta tarde
Ver mais de Política