Chapecó

Chapecó passa a contar com setor para investigar crimes

13 Mar 2017 - 11h15
Chapecó vem passando por um tempo difícil na área de segurança. Em 2016, 44 pessoas foram mortas na cidade. Porém, apenas 27 dos casos foram solucionados e 17 ainda estão em investigação. Tendo isso como base, a cidade passa a contar com uma divisão específica para apurar crimes.

O setor irá funcionar junto à Divisão de Investigações Criminais (DIC). Os moradores de Chapecó já pediam há tempos a criação dessa equipe. Quase da metade dos crimes foi motivada por desentendimentos. Mais de 35% dos autores tinham menos de 20 anos de idade.

A DIC será dividida em duas equipes. Um irá trabalhar com investigação de homicídios e latrocínios, que não foram solucionados em um primeiro momento. E a outra irá investigar os demais crimes: organização e associação criminosa, tráfico de drogas, roubo de cargas.

Matérias Relacionadas

Região

Patrimônio cultural do Rio da Luz será tema de fórum nesta quarta

O objetivo do fórum é ampliar o espaço de fala e escuta sobre os instrumentos de proteção aos patrimônios culturais e divulgar as ações desenvolvidas na região entre 2018 e 2020
Patrimônio cultural do Rio da Luz será tema de fórum nesta quarta
Região

Nereu Ramos faz missa pela beatificação do padre Aloísio

A partir das 15h deste sábado (17), a rádio Jaraguá vai transmitir a missa de misericórdia pela Beatificação de Padre Aloísio Boeing
Nereu Ramos faz missa pela beatificação do padre Aloísio
Ver mais de Região