Júri Popular

Réu é condenado a três anos de prisão

26 Fev 2013 - 21h25

Terminou por volta das 16h20 desta terça-feira (25) o júri popular onde Carlos José dos Santos de Pontes foi condenado a três anos, dez meses e 20 dias acusado por homicídio privilegiado tentado contra Antônio da Silva Souza, ocorrido em 2003.


O caso aconteceu no dia 25 de abril de 2003, no Bar e Mercearia do Garcia na rua Francisco Grett em Jaraguá do Sul. Após uma discussão verbal a vítima foi perseguida até um terreno baldio próximo àquele estabelecimento. Na ocasião, Souza teria sido agredido com pedradas e sofreu ferimentos considerados graves. A briga só terminou com a chegada da Policia Militar. Pontes respondia o processo em liberdade e poderá recorrer da sentença também em liberdade.

JANICI DEMETRIO

Matérias Relacionadas

Santa Catarina

Governo do Estado começa distribuição de mais 50 respiradores para hospitais catarinenses

Os equipamentos foram entregues na tarde de sexta-feira, 05, em mais uma força-tarefa que envolveu equipes do Governo do Estado
Governo do Estado começa distribuição de mais 50 respiradores para hospitais catarinenses
Santa Catarina

Infraestrutura regulamenta regras sanitárias para retomada do transporte coletivo intermunicipal em SC

Dentre as normas que devem ser adotadas pelas empresas de transporte coletivo intermunicipal com características rodoviárias estão a ocupação de até 50% da capacidade com os passageiros sentados intercaladamente
Infraestrutura regulamenta regras sanitárias para retomada do transporte coletivo intermunicipal em SC
Jaraguá do Sul

Fujama se reinventa para celebrar Mês do Meio Ambiente

Lives, vídeos e até cartilha. Em tempos de pandemia, biólogos usam a tecnologia para divulgar a necessidade de se preservar a natureza
Fujama se reinventa para celebrar Mês do Meio Ambiente
Educação

Educação virtual de Jaraguá é referência para o país

Mais de 20 mil estudantes são atendidos no novo sistema
Educação virtual de Jaraguá é referência para o país
Ver mais de Geral