Campeonato Catarinense 2020
Júri Popular

Réu é condenado a três anos de prisão

26 Fev 2013 - 21h25

Terminou por volta das 16h20 desta terça-feira (25) o júri popular onde Carlos José dos Santos de Pontes foi condenado a três anos, dez meses e 20 dias acusado por homicídio privilegiado tentado contra Antônio da Silva Souza, ocorrido em 2003.


O caso aconteceu no dia 25 de abril de 2003, no Bar e Mercearia do Garcia na rua Francisco Grett em Jaraguá do Sul. Após uma discussão verbal a vítima foi perseguida até um terreno baldio próximo àquele estabelecimento. Na ocasião, Souza teria sido agredido com pedradas e sofreu ferimentos considerados graves. A briga só terminou com a chegada da Policia Militar. Pontes respondia o processo em liberdade e poderá recorrer da sentença também em liberdade.

JANICI DEMETRIO

Matérias Relacionadas

Variedades

Plantas no trabalho reduzem estresse e melhoram ambiente, diz pesquisa

Elas ajudam a recuperar rapidamente contratempos e desgostos, reduzem estresse e batimentos cardíacos
Plantas no trabalho reduzem estresse e melhoram ambiente, diz pesquisa
Geral

Empresário cearense cria tinder gratuito para desempregados quarta-feira, 22 de janeiro de 2020

A ideia do Goowit, segundo Deibson Silva, é juntar empresas e pessoas desempregadas
Empresário cearense cria tinder gratuito para desempregados quarta-feira, 22 de janeiro de 2020
Educação

Cerca de 70% das inscrições do Sisu são feitas por dispositivos móveis

Até o início da tarde foram mais de 2 milhões de inscrições
Cerca de 70% das inscrições do Sisu são feitas por dispositivos móveis
Política

Prefeito Lunelli descarta mudar o comando da secretaria de saúde em Jaraguá, como quer vereador da base

Prefeito Lunelli descarta mudar o comando da secretaria de saúde em Jaraguá, como quer vereador da base
Ver mais de Geral