Projeto

Lei que autoriza presença das doulas em hospitais começa a valer em SC

20 Jul 2016 - 09h25
Nesta semana começou a valer a lei que autoriza a presença de doulas quando solicitado pela gestante em maternidades e hospitais catarinenses. A lei estadual foi sancionada em janeiro, porém as instituições tiveram seis meses para se adequar. Penalidades a maternidades que impedirem a presença das doulas vão desde advertência à denúncia no órgão competente. Pelo projeto, as maternidades, casas de parto e hospitais da rede pública e privada ficam obrigadas a permitir a presença de doulas durante todo o período de trabalho de parto, parto e pós-parto imediato, sempre que solicitadas pela parturiente. A lei prevê ainda que não haja ônus nem vínculos empregatícios com esses estabelecimentos de saúde.   O que são
Doulas são acompanhantes de parto escolhidas livremente pelas gestantes e parturientes que visam prestar suporte contínuo à gestante no ciclo gravídico puerperal, favorecendo a evolução do parto e bem-estar da gestante, com certificação ocupacional em curso para essa finalidade.



Agência RBS

Matérias Relacionadas

Brasil

Planta unha-de-gato pode combater tumores, descobrem cientistas brasileiros

A planta está na lista medicinal do SUS há mais de 10 anos
Planta unha-de-gato pode combater tumores, descobrem cientistas brasileiros
Educação

Carregador de celular com energia solar é criado por alunos de 13 anos

Bruno Henrique Muniz Meira e Gabriel Guimarães Prates, ambos com 13 anos, estudam no 8º ano da Escola Estadual João Arruda Brasil
Carregador de celular com energia solar é criado por alunos de 13 anos
Geral

Brasileira selecionada para missão espacial poderá ser 1ª astronauta do país

Dos seis jovens escolhidos, entre profissionais de várias nacionalidades, cinco são mulheres
Brasileira selecionada para missão espacial poderá ser 1ª astronauta do país
Puchalski

Corupá vai sediar simulado para contingência de praga em banana

As atividades acontecerão em propriedades produtoras de banana onde os participantes executarão os procedimentos previstos para a contenção da doença. As ações desenvolvidas serão discutidas para posterior elaboração do relatório do Exercício Simulado.
Corupá vai sediar simulado para contingência de praga em banana
Ver mais de Geral