Geral

Incêndio destrói ala de hospital psiquiátrico e deixa pacientes desalojados por 4 horas

18 Fev 2013 - 20h18

Mais de 200 pacientes do Instituto de Psiquiatria de Tupã (IPT), município localizado a 500 quilômetros da capital paulista, ficaram desalojados por cerca de quatro horas em razão de um incêndio que atingiu a ala masculina do hospital. Eles foram levados para o estacionamento e retornaram para os leitos no início da madrugada de hoje (18). Ao todo, 27 pacientes foram retirados da área incendiada.


Não houve feridos, segundo a direção do IPT. A entidade informou ainda que cerca de 12% da área construída do hospital foi destruída pelas chamas.

Na avaliação do tenente Roberto de Almeida Lourenço, comandante da unidade do Corpo de Bombeiros da cidade, apesar de o setor incendiado ser pequeno, quando comparado ao total de área construída do hospital, a ocorrência envolveu uma operação especial, pois envolveu um público vulnerável.

"Fizemos uma vistoria no local hoje de manhã e a perícia, que também esteve lá, vai identificar as causas do acidente", disse o tenente.

AGÊNCIA BRASIL

Matérias Relacionadas

Saúde

Beber chá verde 3 vezes por semana reduz risco de derrame, diz estudo

A explicação está nos polifenóis, um poderoso antioxidante com ação nos vasos sanguíneos
Beber chá verde 3 vezes por semana reduz risco de derrame, diz estudo
Mundo

Chuva cai pelo 2º dia e ajuda bombeiros a apagar fogo na Austrália

Muitos dos animais afetados tiveram seus habitats destruídos. Desta forma, especialistas alertam para o risco de extinção de algumas espécies
Chuva cai pelo 2º dia e ajuda bombeiros a apagar fogo na Austrália
Brasil

Santos usa drone com inseticida para combater mosquito da Dengue

O equipamento sobrevoa regiões de risco e joga o produto para matar ovos e larvas do Aedes aegypti
Santos usa drone com inseticida para combater mosquito da Dengue
Geral

Eleitor deve ficar atento aos prazos para regularizar situação junto a Justiça Eleitora

Para o eleitor que perdeu o prazo para fazer a biometria na cidade, a situação também poderá ser regularizada até o dia 6 de maio
Eleitor deve ficar atento aos prazos para regularizar situação junto a Justiça Eleitora
Ver mais de Geral