Caraguá
Pev

Começa a construção do primeiro Ponto de Entrega Voluntária de Jaraguá

28 Jul 2017 - 17h25
Começa a construção do primeiro Ponto de Entrega Voluntária de Jaraguá -
A iniciativa é da Fundação Jaraguaense de Meio Ambiente, com projeto técnico da Prefeitura.

O presidente da Fujama, Normando Zitta Júnior, informa que o investimento será de R$ 400 mil, dinheiro oriundo de uma multa, resultante de um crime ambiental praticado por uma empresa que entubou um curso d’água ao fazer um loteamento no município. “A autuação da Fujama foi parar no Ministério Público do Meio Ambiente, que aplicou a multa. No entanto, ao invés de recolher o valor, a empresa se comprometeu em entregar a obra do PEV pronta para a Prefeitura, o que deve acontecer até o mês de dezembro”, explicou o presidente.

Conforme ele, no PEV, os munícipes poderão entrar com seus veículos e depositar móveis velhos, lâmpadas, baterias, pilhas, equipamentos eletrônicos, óleo de cozinha, latas e embalagens vazias e materiais recicláveis. “Não serão aceitas latas com tintas, embalagens de agrotóxicos e de produtos químicos, podas de árvores e restos de materiais de construção”, esclarece Normando Zitta Júnior. “A intenção é que a gestão do Ponto de Entrega Voluntária seja feita por uma cooperativa, que tenha condições de manter o local aberto inclusive sábados e domingos, para receber materiais de quem quiser fazer o descarte e não têm tempo durante a semana”, acrescenta.

No terreno, haverá uma guarita para controlar o acesso e caçambas identificadas para cada tipo de produto. A cooperativa fará o reaproveitamento dos materiais e a Prefeitura dará o destino correto àquilo que não tiver condições de uso. O principal objetivo do Ponto de Entrega Voluntária é oferecer um local para a população fazer o descarte consciente e evitar a formação de depósitos de lixo e entulhos em terrenos baldios. “Com isso, a fiscalização vai ser mais intensa. Não têm desculpas para as pessoas jogarem lixo nos terrenos baldios”, alerta o presidente da Fujama.

Normando Zitta Júnior diz ainda que o modelo do PEV de Jaraguá do Sul é semelhante ao que vem funcionando em outras cidades brasileiras, como no Estado de São Paulo, onde a população já se acostumou a fazer o descarte correto dos resíduos. Ele lembra que os moradores são responsáveis pelo destino das podas de árvores e resíduos da construção civil e que empresas especializadas prestam este serviço em Jaraguá do Sul.


O endereço do PEV é Rua Leocádio Rodrigues (Vila Lenzi), entre as ruas Goiás e Erich Aben, próximo da Arena Jaraguá, num terreno que pertence à Prefeitura e onde não podem ser feitas grandes edificações por estar na área do antigo lixão da cidade. A Fujama fará a recuperação ambiental da região de quatro mil metros quadrados, com o plantio de 300 mudas de árvores nas margens de um ribeirão.
 

Matérias Relacionadas

Geral

Duas cervejarias de Jaraguá do Sul entre as melhores do mundo

Premiação aconteceu em Londres. Veja rótulos que ganharam destaque:
Duas cervejarias de Jaraguá do Sul entre as melhores do mundo
Segurança

É falsa notícia sobre apreensão de carne de cachorro em SC

Fotos de cães presos em canis em condições precárias e em abatedouros foram compartilhadas em um aplicativo de mensagens
É falsa notícia sobre apreensão de carne de cachorro em SC
Geral

Mais três entidades recebem doações da VacinAção Solidária em Jaraguá

Desde o início, campanha já beneficiou mais de 30 diferentes entidades de Jaraguá do Sul com o repasse de mais de 49 toneladas de alimentos não perecíveis
Mais três entidades recebem doações da VacinAção Solidária em Jaraguá
Geral

Ator Luis Gustavo morre aos 87 anos

Atuação na TV começa na década de 60 e tem personagens marcantes
Ator Luis Gustavo morre aos 87 anos
Ver mais de Geral