transito
Crime na Figueira

Acusado de matar enteada vai a juri dia 28

20 Abr 2011 - 12h19

Thiago foi preso quando saia da casa de bicicleta (foto: Arquivo/Jaraguá AM)

Thiago Camargo, de 26 anos, acusado de ter matado a enteada no dia 13 de maio do ano passado, no bairro Ilha da Figueira, em Jaraguá do Sul, será julgado no dia 28 deste mês. A informação é do gabinete da juíza de Direito Candida Inês Zoellner Brugnoli. O júri será às 9h, no Fórum da Comarca de Jaraguá do Sul. Ele é acusado de homicídio qualificado por motivo fútil, emprego de meio cruel e de recurso que impossibilitou a defesa da vítima.

O crime ocorreu em 13 de maio, onde Thiago Camargo, em tese, ceifou a vida da filha de sua companheira, a menor S. S. F., de 15 anos, mediante tijoladas e facadas, após desentendimento ocorrido na mesma data.

Ouça o resumo das informações da segurança no Ronda Policial, com Dias Gomes.

[jwplayer mediaid="93508"]

NOTÍCIA PUBLICADA NA ÉPOCA PELO JORNAL FOLHA SC


Um assassinato Na manhã dia 13 de maio, por volta das 10h, chocou a cidade pela sua brutalidade. O crime aconteceu na Rua Nossa Senhora Aparecida, 210, no Bairro Ilha da Figueira. Tiago Camargo, que hoje completa 25 anos de idade, matou a enteada Sarah Strelo Fialho, de 16 anos, com facadas e tijoladas. Segundo relato dos vizinhos, havia problemas de convívio entre a mãe da jovem, o padrasto e a própria Sara.

Quando a Polícia Militar chegou no local do crime Tiago estava saindo de bicleta como se nata tivesse acontecido. Os vizinhos identificaram o assassino e denunciaram à PM. Ele disse à polícia que matou a jovem porque ela não queria lavar a louça. Ele usou quatro facas para cometer o crime, uma delas de churrasco, com 20 centímetros de lâmina. Depois de dezenas de facadas pelo corpo da jovem, Tiago cortou o pescoço da vítima e ainda usou um pedaço de concreto para bater na cabeça da jovem, quebrando o crânio e o maxilar da vítima. A mãe, Carmem Araceli Strelo, 31 anos, que ontem à tarde soube da morte da filha na Delegacia de Polícia, estava em Blumenau na hora do crime.

A Tenente PM Naíma, que atendeu a ocorrência, disse ter ficado espantada com o que viu e que Tiago, que veio de Foz do Iguaçu (PR) e vivia de bicos, não tem registro de outros envolvimentos com a polícia. Quando a PM chegou à casa o assassino estava saindo de bicicleta como se nada tivesse acontecido. À Rádio Jaraguá AM e à FolhaSC, Tiago confirmou o motivo da discussão que o levou a cometer o crime. "Ela sempre me chamava de negro sujo e fedido e fui tomado pela raiva quando não quis lavar a louça", disse ele.

Matérias Relacionadas

Geral

Confira as previsões do horóscopo para hoje

Saiba o que os astros reservam para você no amor, vida profissional e viagens
Confira as previsões do horóscopo para hoje
Geral

INSS confirma exposição de dados de até 40 milhões de segurados

Cadastro de aposentados e pensionistas teve segurança reforçada
INSS confirma exposição de dados de até 40 milhões de segurados
Geral

A semana começa com chuva e temporais em Santa Catarina

A previsão é de que as condições de chuva persistam ao longo desta terça-feira (25), com a frente fria se estabilizando sobre o estado.
A semana começa com chuva e temporais em Santa Catarina
Trânsito

Rocha se desprende e fecha temporariamente a subida do Molha, em Jaraguá do Sul 

Defesa Civil e Secretaria de Obras liberaram a passagem ainda na tarde desta segunda-feira (24)
Rocha se desprende e fecha temporariamente a subida do Molha, em Jaraguá do Sul 
Ver mais de Geral