Eleições 2020
Estado

Seis diretórios são suspensos na região por falta de CNPJ

05 Ago 2016 - 11h57
O Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina (TRE-SC) suspendeu os registros de 261 diretórios municipais de partidos políticos do estado em decisão desta quinta-feira (4). A suspensão ocorreu por esses diretórios estarem sem Cadastro Nacional de Pessoas Jurídicas (CNPJ).

Com isso, esses diretórios não poderão apresentar candidatos para as eleições de outubro. O TRE-SC ainda informou que, mesmo que não tivessem os registros suspensos, sem o CNPJ eles não poderiam abrir conta bancária para fazer arrecadações para as campanhas.

A lista com os diretórios que tiveram os registros suspensos foi divulgada no site do Tribunal. A decisão da suspensão foi feita pelo presidente do TRE-SC, desembargador Cesar Abreu, de acordo com a resolução 23.465/2015 do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Na microrregião foram suspensos PSD de Corupá, PT do B de Guaramirim, DEM em Massaranduba e São João do Itaperiú, PSL e SD em Jaraguá do Sul.

Matérias Relacionadas

Geral

Confira o regramento para limpeza nos cemitérios municipais de Jaraguá

Na próxima segunda-feira, dia 2 de novembro, é celebrado o Dia de Finados, data reservada para momentos de oração aos entes que já faleceram.
Confira o regramento para limpeza nos cemitérios municipais de Jaraguá
Educação

Escolas municipais de Jaraguá recebem alunos com dificuldades no ensino remoto

Os demais estudantes continuam com o ensino a distância
Escolas municipais de Jaraguá recebem alunos com dificuldades no ensino remoto
Santa Catarina

Coronavírus em SC: Santa Catarina empresta monitores para o estado do Amazonas

O empréstimo foi definido após contato entre o secretário de Estado da Saúde, André Motta Ribeiro, e o Ministério da Saúde (MS)
Coronavírus em SC: Santa Catarina empresta monitores para o estado do Amazonas
Saúde

“Jamais esteve sob análise privatizar o SUS”, diz Guedes

Ministro falou na audiência virtual da Comissão Mista do Congresso
“Jamais esteve sob análise privatizar o SUS”, diz Guedes
Ver mais de Geral