ESPORTE

Correção: Corinthians falha em jogada aérea e só empata com o lanterna São Bento

02 Mar 2019 - 19h55Por Gonçalo Junior

A matéria enviada anteriormente continha um erro na ficha técnica, com a ausência de uma substituição no Corinthians: a entrada de Gustavo no lugar de Boselli. Segue a versão corrigida:

Diante do lanterna do Campeonato Paulista, o Corinthians novamente falhou nas jogadas aéreas e só empatou por 1 a 1 contra o São Bento, em Sorocaba, neste sábado. Atuando com seis reservas, o time jogou mal, principalmente no segundo tempo, e acabou pressionado pelo lanterna do torneio, que teve chances de vencer. O Corinthians continua na liderança do Grupo C, com um ponto de vantagem sobre a Ferroviária.

O técnico Fábio Carille justificou as seis mudanças que fez na escalação em relação à partida contra o Racing, no qual avançou à segunda fase da Copa Sul-Americana, na quarta-feira, como uma tentativa de manter a intensidade.

No início do jogo, a estratégia deu certo. Vagner Love tinha liberdade para se aproximar de Boselli, uma das novidades na escalação. Richard também podia chegar à área. Aos dois minutos, Avelar fez grande lançamento para o argentino finalizar de primeira. O goleiro Henal fez grande defesa e Richard quase marcou no rebote. Sempre com a bola, o time da capital levava perigo pelos lados. Acuado, o São Bento incomodava nos contra-ataques, principalmente pela esquerda, com Paulo Henrique.

A intensidade que Carille queria se perdeu ao longo do primeiro tempo. O time voltou a mostrar problemas de outras partidas, como a falta de criatividade e erros na troca de passes. O jogo foi ruim do ponto de vista técnico. O meia Sornoza foi responsável por um lance de lucidez. Ele ocupou espaço no lado esquerdo, chegou à linha de fundo e cruzou para Clayson, que acertou um belo chute cruzado, no ângulo.

Com o belo gol, Clayson encerrou um longo jejum. Ele não marcava havia quase um ano, desde 22 de abril de 2018, diante do Paraná. O atacante anotou seu oitavo gols em 87 jogos pelo Corinthians. Embora tenha tido atuação discreta no primeiro tempo, Sornoza deu sua sexta assistência na temporada. Ele é o garçom do time. As câmeras de tevê apontaram, no entanto, que ele estava impedido no início da jogada.

No começo do segundo tempo, o São Bento conseguiu sua melhor chance aos cinco minutos. Paulo Henrique, o melhor do time, acertou um grande chute que exigiu ótima defesa de Cássio. Na segunda oportunidade, Paulo Henrique não desperdiçou a chance. Após cruzamento longo, o atacante conseguiu o empate após cabecear no canto. O lance atualizou uma estatística preocupante para Carille. Dos 15 gols sofridos pelo Corinthians em 2019, 11 saíram em jogadas pelo alto. O time de Sorocaba, dono do pior ataque da competição, marcou apenas seu quarto gol no torneio. E ainda teve dois gols anulados - e bem anulados - por impedimento.

O gol atestou o bom momento do time que teve maior iniciativa e procurou o ataque no segundo tempo. O Corinthians, por sua vez, parou de jogar. Aos 29 minutos, o São Bento quase conseguiu a virada. Novamente com uma jogada aérea, Wesley ganhou de Marllon, cabeceou para o chão e Cássio conseguiu grande defesa.

Carille decidiu mexer no time: Pedrinho entrou no lugar de Richard e Gustavo Silva substituiu Clayson. Aos 48 minutos, o lanterna do torneio perdeu outra chance da virada. Com o gol vazio após rebote na trave, Alecsandro errou o chute e perdeu a oportunidade de diminuir a crise do pior time do torneio.

O Corinthians voltará a jogar em 10 de março, no seu estádio, em clássico contra o Santos. No mesmo dia, o São Bento vai atuar, novamente como mandante, contra a Ponte Preta.

FICHA TÉCNICA:
SÃO BENTO 1 x 1 CORINTHIANS

SÃO BENTO - Henal; Ratinho, Ewerton Páscoa (Wesley), Luizão e Mansur; Fábio Bahia, Eder Luis (Cafu), Alex Maranhão, Mazola e Paulo Henrique; Alecsandro. Técnico: Silas.

CORINTHIANS - Cássio; Fagner, Pedro Henrique, Marllon e Danilo Avelar; Junior Urso, Richard (Pedrinho) e Sornoza; Clayson (Gustavo Silva), Vagner Love e Boselli (Gustavo). Técnico: Fábio Carille.

GOLS - Clayson, aos 38 minutos do primeiro tempo; Paulo Henrique, aos 15 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Luiz Flávio de Oliveira.

CARTÕES AMARELOS - Clayson, Pedro Henrique, Wesley Santos, Luizão,

RENDA - Não divulgada.

PÚBLICO - 9.221 pagantes.

LOCAL - Estádio Walter Ribeiro, em Sorocaba.

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Esportes

Flamengo é campeão brasileiro

Rubro-Negro perde de 2 a 1, mas garante oitavo título da história
Flamengo é campeão brasileiro
Esportes

Juventus perde para o Avaí na estreia do Campeonato Catarinense

Moleque Travesso teve um jogador expulso
Juventus perde para o Avaí na estreia do Campeonato Catarinense
Esportes

Juventus estreia nesta quarta no Campeonato Catarinense

Partida terá transmissão da Rádio Jaraguá, a partir das 20h
Juventus estreia nesta quarta no Campeonato Catarinense
Esportes

Árbitra catarinense apitará Libertadores Feminina

A competição será disputada Na Argentina de 5 a 22 de março.
Árbitra catarinense apitará Libertadores Feminina
Ver mais de Esportes