Economia

Sicredi lança opção de pagamento por QR Code

Solução permite receber e pagar valores de forma instantânea, sem cobrança de taxas.

19 Mai 2020 - 09h45Por Da Redação
Sicredi lança opção de pagamento por QR Code - Crédito: Divulgação Crédito: Divulgação

Buscando disponibilizar soluções que gerem conveniência, o Sicredi, instituição financeira cooperativa com mais de 4,5 milhões de associados, anuncia mais uma funcionalidade em pagamentos eletrônicos. A partir de agora, é possível pagar ou receber valores entre associados da instituição, sem taxas, via QR Code no aplicativo do Sicredi, disponível para smartphones que operam nos sistemas iOS ou Android.

A solução faz parte de uma série de iniciativas do Sicredi que visam proporcionar novas experiências para os associados por meio da tecnologia, além de acompanhar a tendência de digitalização do sistema financeiro. “Também é um estímulo à troca do dinheiro físico por meios eletrônicos, uma nova cultura de pagamentos, mais segura, prática e sustentável que temos incentivado entre os nossos associados”, explica Gisele Rodrigues, superintendente de Soluções de Meios de Pagamento do Sicredi.

A nova opção de pagamento eletrônico do Sicredi está alinhada com as melhores práticas de mercado e faz parte da adesão da instituição ao Sistema de Pagamentos Instantâneos lançado recentemente pelo Banco Central do Brasil e batizado de PIX, que funcionará a partir de novembro deste ano com o objetivo de modernizar transações financeiras no país.

Para utilizar a ferramenta no aplicativo do Sicredi o usuário deve ser um associado da instituição. No app, basta escolher a opção “Pagamento por QR Code”, direcionar o “QR Code Sicredi” para a leitura dos dados, informar o valor (se necessário) e confirmar o pagamento. Esse tipo de transação é uma alternativa a outros pagamentos como TED, DOC, boleto, cheque e cartões, e pode ser feita entre pessoas em poucos segundos.

“O sistema financeiro vive uma jornada de inovação e no cooperativismo de crédito temos como vantagem o relacionamento mais próximo com os associados, o que nos permite entender melhor as necessidades de cada um para pensarmos em soluções e produtos que possam atendê-los da melhor maneira”, completa Gisele..

Matérias Relacionadas

Economia

Governo defende reformas após a pandemia para recuperar o PIB

Ministério da Economia também pede manutenção do teto de gastos
Governo defende reformas após a pandemia para recuperar o PIB
Economia

Beneficiários do auxílio emergencial podem pagar compras via celular

A Caixa Econômica Federal liberou uma atualização do aplicativo Caixa Tem que permite o pagamento por meio de código QR
Beneficiários do auxílio emergencial podem pagar compras via celular
Economia

Agências da Caixa abrem neste sábado para atendimento aos beneficiários do Auxílio Emergencial

Em Jaraguá do Sul, a agência da Rua Gumercindo da Silva estará aberta faz 8h às 12h.
Agências da Caixa abrem neste sábado para atendimento aos beneficiários do Auxílio Emergencial
Economia

Prefeitura presta conta das metas fiscais do 1° quadrimestre

A arrecadação com ICMS que era de R$ 14 milhões em março, caiu para R$ 10,8 milhões em abril.
Prefeitura presta conta das metas fiscais do 1° quadrimestre
Ver mais de Economia