Joaçaba Pneus
ECONOMIA

Santos Cruz: 'É preciso confiar no Parlamento durante tramitação da reforma'

15 Mar 2019 - 14h49Por Daniel Weterman, Luciana Collet e Fabiana Holtz

O ministro da Secretaria de Governo, Carlos Alberto dos Santos Cruz, afirmou em coletiva de imprensa nesta sexta-feira, 15, que é preciso confiar nos parlamentares durante a tramitação da reforma da Previdência. Questionado sobre a proposta dos militares, encaminhada esta semana pelo Ministério da Defesa ao Ministério da Economia, ser mais branda, o ministro ressaltou que o conteúdo ainda vai passar pelo crivo da equipe econômica e por um aperfeiçoamento no Congresso.

"É uma questão de confiança no Parlamento. Assim como queremos confiança no governo, temos que depositar confiança nos parlamentares", disse o ministro após o resultado do leilão de 12 aeroportos realizado nesta sexta. Assim como a reforma do sistema geral e dos servidores públicos, o projeto dos militares, ressaltou Santos Cruz, também "vai passar pelo crivo da equipe econômica e aperfeiçoamento da legislação por conta da Câmara e do Senado". Para ele, esse "é o processo normal".

Conforme o Broadcast, sistema de notícias em tempo real do Grupo Estado, revelou na quinta-feira, a proposta entregue pelo Ministério da Defesa inclui uma reestruturação na carreira dos militares, com aumento de benefícios, que representaria um custo extra em torno de R$ 10 bilhões nos primeiros dez anos.

O ministro justificou o envio da proposta dos militares separadamente da reforma geral por tocar em um conjunto de leis "completamente diferente" dos sistema previdenciário dos civis.

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Economia

Rede catarinense Havan inaugura 160ª filial

Esta é a primeira loja da rede no estado sergipano. Atualmente, a Havan está presente em 18 estados brasileiros, mais o Distrito Federal
Rede catarinense Havan inaugura 160ª filial
Economia

Decisão sobre reajuste de bandeiras tarifárias deve sair até o dia 30

Aumento pode passar de 20%, diz diretor da Aneel
Decisão sobre reajuste de bandeiras tarifárias deve sair até o dia 30
Economia

Caixa antecipa pagamento de terceira parcela do auxílio emergencial

Novo calendário começa nesta sexta-feira, para nascidos em janeiro
Caixa antecipa pagamento de terceira parcela do auxílio emergencial
Economia

FIESC defende redução temporária do imposto de importação do aço

O insumo teve alta superior a 100% em 12 meses e tem impactado diversos setores, principalmente a construção e o metalmecânico
FIESC defende redução temporária do imposto de importação do aço
Ver mais de Economia