GNet
Economia

Santa Catarina tem saldo de quase 111 mil empresas abertas em 2021

O número, que é resultado de 161.688 constituições e 50.742 baixas, representa um crescimento de 29,62% em comparação a 2020

12 Out 2021 - 08h22Por Janici Demetrio
Santa Catarina tem saldo de quase 111 mil empresas abertas em 2021 - Crédito: Divulgação/Jucesc Crédito: Divulgação/Jucesc

Indicador da continuidade do crescimento econômico, o número de abertura de empresas no território catarinense vem aumentando de maneira constante ao longo deste ano. O Estado registrou um saldo de 110.946 novos negócios no período que corresponde a 1º de janeiro até 30 de setembro de 2021, segundo dados apresentados pela Junta Comercial de Santa Catarina nesta segunda-feira (11).

O número, que é resultado de 161.688 constituições e 50.742 baixas, representa um crescimento de 29,62% em comparação a 2020, uma vez que, no mesmo período do ano passado, Santa Catarina contou com um saldo positivo de 85.589 registros mercantis. Já em relação a 2019, a alta é de 49,62% (74.149).

"A recuperação econômica do estado, diferenciada em relação ao restante do país, está proporcionando um ambiente de negócios favorável aos empreendedores. Hoje, podemos dizer que há confiança do empreendedor na retomada da economia que estamos vivendo em Santa Catarina. Essa confiança, aliada a um sistema simplificado e desburocratizado, que fazem parte das diretrizes do governo, justificam o crescimento", explicou o governador Carlos Moisés.

Analisando os dados desde 2019, o presidente da Jucesc, Gilson Lucas Bugs,atribui este crescimento ao DNA empreendedor que Santa Catarina possui, assim como as ações de modernização, simplificação e desburocratização de processos da Junta e outros órgãos do Governo, que estão entre os focos na gestão Moisés.

“Com a simplificação da abertura das empresas, estamos estimulando a formalização do empreendedor. Só no mês de agosto, contamos com um saldo de 11.108 novas empresas, resultado de 17.285 constituições e 6.177 baixas. E este dado positivo pode ser percebido mês a mês. Fruto de um trabalho comprometido do Governo do Estado, que não para de pensar na melhoria do ambiente de negócios”, reforçou Bugs, ao pontuar que a expectativa também é exitosa para os últimos três meses do ano.

Este impacto do crescimento mensal em aberturas de empresas pode ser confirmado também, com o último dado divulgado pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), do Ministério da Economia. Santa Catarina fortalece a condição de uma das melhores unidades da Federação na geração de empregos, com mais de 20 mil postos de trabalho formais gerados em agosto.

“Santa Catarina vem se destacando no cenário econômico acima da média nacional. Nos últimos 12 meses, de agosto a setembro, foram quase 235 mil novas vagas. O emprego é nosso principal termômetro do crescimento econômico e o aumento na abertura de empresas reflete no saldo de empregos. Santa Catarina é um estado inovador e, por meio da Jucesc, vem trabalhando com o objetivo de simplificar processos e facilitar a vida do empreendedor que quer investir no estado”, enfatizou o secretário de Estado do Desenvolvimento Econômico Sustentável, Luciano Buligon.

Somente em setembro de 2021, o estado gerou um saldo de 11.108 novos negócios, resultado de 17.285 constituições e 6.177 baixas.

Desenvolvimento

Os setores com os maiores saldo em novos empreendimentos, de janeiro a setembro de 2021, foram: comércio varejista (24.563) e indústria de transformação (13.582), seguido da construção com 12.414 unidades criadas e as atividades profissionais, científicas e técnicas com 9.001 estabelecimentos.

Atualmente, Santa Catarina possui 1.070.171 empresas ativas.

Menores tempos totais de viabilidade e registro nos municípios

Conforme painel do Mapa de Empresas do Brasil, uma ferramenta disponibilizada pelo Governo Federal, entre os 10 municípios catarinenses que apresentaram os menores tempos totais de viabilidade e registro, em horas, de janeiro a julho de 2021, estão: Ibiam (0,2100); Sul Brasil (1,220); Novo Horizonte (3,225); Frei Rogério (5,205); Belmonte (16,96); Entre Rios (17,23); Peritiba (20,77); Brusque (23,18); Cerro Negro (24,81); Formosa do Sul (25,14).

Acompanhe outros dados do Mapa de Empresas aqui.

Quer saber das notícias de Jaraguá do Sul e região? Participe dos nosso grupos do WhatsApp ou do Telegram!

 

GNet

Matérias Relacionadas

Geral

Criação do Complexo Multimodal de Guaramirim é aprovado na Câmara

O objetivo do projeto é a instalação de grandes empreendimentos que terão à disposição aeródromo, linha ferroviária, áreas para a construção de aeroporto de cargas e Porto Seco
Criação do Complexo Multimodal de Guaramirim é aprovado na Câmara
Política

Presidente anuncia apoio para 750 mil caminhoneiros comprarem diesel

Detalhes da medida ainda serão informados pelo governo
Presidente anuncia apoio para 750 mil caminhoneiros comprarem diesel
Geral

Nova coleção da Lez a Lez é inspirada pelo sertão

Para contar essa história, repleta de sensações, a marca apresenta a coleção de alto verão através de suas novas embaixadoras: a influenciadora Camila Coelho e a atriz Vitoria Strada
Nova coleção da Lez a Lez é inspirada pelo sertão
Economia

Tomate chega a R$ 9 em alguns estabelecimentos de SC

Em Jaraguá do Sul, preço do comum e italiano varia de R$ 6,99 a R$9,99 entre as principais verdureiras
Tomate chega a R$ 9 em alguns estabelecimentos de SC
Ver mais de Economia