Prates
Caraguá
ECONOMIA

Projeção de superávit comercial em 2019 sobe para US$ 51,00 bi, revela Focus

25 Fev 2019 - 11h55Por Fabrício de Castro

Os economistas do mercado financeiro alteraram a projeção para a balança comercial em 2019 na pesquisa Focus realizada pelo Banco Central (BC), de superávit comercial de US$ 50,50 bilhões para US$ 51,00 bilhões. Um mês atrás, a previsão estava em US$ 52,00 bilhões. Para 2020, a estimativa de superávit foi de US$ 48,00 bilhões para US$ 46,00 bilhões, ante US$ 49,00 bilhões de um mês antes.

Na estimativa mais recente do BC, atualizada no Relatório Trimestral de Inflação (RTI) de dezembro, o saldo positivo de 2019 ficará em US$ 38,00 bilhões.

No caso da conta corrente, a previsão contida no Focus para 2019 passou de déficit de US$ 26,16 bilhões para rombo de US$ 26,32 bilhões, ante o déficit de US$ 26,80 bilhões de um mês antes. Para 2020, a projeção de rombo foi de US$ 36,35 bilhões para US$ 36,00 bilhões. Um mês atrás, o rombo projetado era de US$ 37,35 bilhões.

O BC projeta déficit em conta de US$ 35,6 bilhões em 2019.

Para os analistas consultados semanalmente pelo BC, o ingresso de Investimento Direto no País (IDP) será mais do que suficiente para cobrir o resultado deficitário nos próximos anos. A mediana das previsões para o IDP em 2019 foi de US$ 79,50 bilhões para US$ 80,00 bilhões, ante US$ 80,00 bilhões de um mês atrás. Para 2020, a expectativa passou de US$ 82,52 bilhões para US$ 83,76 bilhões, ante os US$ 82,44 bilhões de um mês antes.

O BC projeta IDP de US$ 90,0 bilhões em 2019.

GNet

Matérias Relacionadas

Economia

Receita abre consulta a lote residual de restituições do IR

Contribuintes receberão crédito bancário no próximo dia 31
Receita abre consulta a lote residual de restituições do IR
Economia

Oportunidade de trabalho

Confira!
Oportunidade de trabalho
Segurança

Banco Central comunica vazamento de dados de 160,1 mil chaves Pix

Foram vazados dados cadastrais da Acesso Pagamentos
Banco Central comunica vazamento de dados de 160,1 mil chaves Pix
Economia

Presidente negocia PEC para zerar impostos sobre combustíveis

Em 2021, a gasolina e o diesel subiram 47%, Etanol acumula alta de 62%
Presidente negocia PEC para zerar impostos sobre combustíveis
Ver mais de Economia