caragua
caragua mobile
ECONOMIA

Onyx, sobre Previdência: Se for esta semana, ótimo; se for terça, perfeito

16 Abr 2019 - 16h56Por Daniel Weterman

O ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, minimizou a possibilidade de a reforma da Previdência ser votada na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) só na semana que vem. "Vai dar tudo certo. Se for esta semana, ótimo. Se for terça que vem, está perfeito", declarou Onyx antes de uma reunião com a bancada do Amazonas no Senado.

Onyx insistiu que o governo está tendo "muito" diálogo com o Parlamento e afirmou que "reclamar do Executivo faz parte da cultura do Parlamento" e que é preciso compreender que o Congresso tem uma forma própria de conduzir matérias.

"As coisas vão caminhar bem, só tem que ter um pouquinho de paciência. Acho que a gente precisa compreender que o Congresso tem seu tempo", disse. "O governo tem tranquilidade que, no tempo certo, vai dar tudo certo."

Ele repetiu a intenção de aprovar a reforma no Congresso até o recesso parlamentar, ou seja, ainda no primeiro semestre, quando questionado sobre uma expectativa "realista". A proposta, declarou, vai ser aprovada com "tranquilidade e com ajustes necessários", mas com capacidade de gerar empregos no segundo semestre deste ano.

caragua mobile

Matérias Relacionadas

Economia

Brasil suspende exportações de carne e produtos de aves

Medida preventiva tomada após confirmação de foco de doença no RS
Brasil suspende exportações de carne e produtos de aves
Geral

Agência da Celesc retoma atividades nesta sexta-feira em Jaraguá do Sul

Estatal emite nota e lamenta paralisação ter afetado as lojas de atendimento
Agência da Celesc retoma atividades nesta sexta-feira em Jaraguá do Sul
Mundo

Apagão cibernético afeta sistemas bancários, mídia, aeroportos e telecomunicações

No Brasil, clientes de alguns bancos não conseguiram acessar suas contas
Apagão cibernético afeta sistemas bancários, mídia, aeroportos e telecomunicações
Economia

Servidores públicos de SC recebem a antecipação de metade do 13º salário

Conforme a Secretaria de Estado da Fazenda o valor coloca R$ 648 milhões extras na economia catarinense
Servidores públicos de SC recebem a antecipação de metade do 13º salário
Ver mais de Economia