ECONOMIA

Na volta do carnaval, juros têm viés de alta com dólar

06 Mar 2019 - 14h48Por Karla Spotorno

O mercado de juros futuros abriu em leve alta nesta volta do feriadão de carnaval. O movimento na abertura foi em linha com o dólar forte ante o real e moedas emergentes. Assim que a valorização da moeda americana ante a brasileira perdeu força, as taxas dos contratos de Depósito Interfinanceiro (DI) marcaram mínimas, ainda que sob viés de alta.

A agenda fraca limita os fatores de influência das taxas de juros, enquanto o investidor assimila o noticiário político dos últimos dias envolvendo a cúpula de Brasília e, sobretudo, o presidente Jair Bolsonaro. O DI para janeiro de 2021 abriu a 7,19% ante 7,162% no ajuste de sexta-feira. Na mínima, marcou 7,17%. O DI para janeiro de 2023 iniciou a sessão a 8,33% ante 8,302% no ajuste de sexta-feira. Na mínima, marcou 8,31%. O DI para janeiro de 2025 abriu a 8,89% ante 8,842% no ajuste de sexta-feira. O DI para janeiro de 2027 começou o dia a 9,21% ante 9,171% no ajuste de sexta-feira. A liquidez ainda é baixa.

O Relatório de Mercado Focus, divulgado excepcionalmente nesta quarta ao meio-dia pelo Banco Central, teve como única alteração relevante a queda de 2,48% para 2,30% da projeção de crescimento do PIB em 2019. As projeções para IPCA e Selic não sofreram mudanças.

Se de um lado a agenda econômica é pouco relevante, o noticiário político dos últimos dias absorve a atenção do investidor, que busca assimilar eventuais consequências para a agenda econômica. A polêmica protagonizada pelo presidente Bolsonaro ao publicar um vídeo obsceno no Twitter (na terça à noite) foi recebida por agentes do mercado como mais uma fonte de ruídos numa já, excessivamente, frágil construção de apoio popular e parlamentar para o ajuste fiscal.

"Bolsonaro ainda não saiu da campanha e parece que ainda demorará um tempo para entender isto", disse ao Broadcast (sistema de notícias em tempo real do Grupo Estado) o diretor de uma gestora de fundos de investimento.

"É uma perda de foco ruim. O mercado começa a aprender a lidar com esse comportamento do presidente", diz o analista e sócio da Levante Rafael Bevilacqua. "O presidente se coloca numa posição, onde as pessoas podem facilmente atacá-lo. Isso me surpreende vindo de um militar", diz o analista da Eleven Financial Raphael Figueredo, que considera postagens em redes sociais como a de ontem prejudiciais ao andamento da "agenda que importa". O tuíte do presidente da República sobre obscenidade é notícia nos jornais internacionais, como The New York Times.

Nos últimos dias, surgiram algumas evidências no noticiário político da dificuldade do governo em construir um bom canal de comunicação com o Congresso, na avaliação do estrategista da BGC Liquidez, Juliano Ferreira Neto. "Tem ficado cada vez mais evidente que o governo não tem controle ou grande influência sobre o Congresso hoje, mesmo vindo se esforçado para estabelecer esse canal", diz Ferreira Neto.

Ele menciona a pressão que tem sido feita para que um deputado do PSL assuma a relatoria da reforma da Previdência. Além disso, o estrategista também cita outros "ruídos" na cúpula do governo, como a declaração do vice-presidente general Hamilton Mourão, que lamentou a demissão da cientista política Ilona Szabó, e a demissão do diplomata Paulo Roberto de Almeida, de 68 anos. Em entrevista ao jornal O Estado de S. Paulo, Almeida afirmou que foi demitido por criticar Olavo de Carvalho.

Na agenda da semana, o destaque é o tradicional leilão de LTNs, LFTs e NTN-Fs na quinta-feira, 7, e o IGP-DI de fevereiro na sexta-feira, 8.

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Economia

Dólar fecha praticamente estável a R$ 5,60

Bolsa encerra segunda-feira com pequena alta
Economia

Carnês do IPTU de Jaraguá podem ser impressos no site da prefeitura

Esta opção também está disponível no App Jaraguá na Mão
Carnês do IPTU de Jaraguá podem ser impressos no site da prefeitura
Economia

Petrobras anuncia nova alta nos preços da gasolina, diesel e gás

Reajuste será nas refinarias e entra em vigor amanhã
Petrobras anuncia nova alta nos preços da gasolina, diesel e gás
Economia

Prazo para entregar declaração do Imposto de Renda começa hoje

Receita espera receber 32,6 mi de declarações até 30 de abril
Prazo para entregar declaração do Imposto de Renda começa hoje
Ver mais de Economia