ECONOMIA

Moody's rebaixa rating da Vale, que perde grau de investimento

27 Fev 2019 - 17h26

A Moody's rebaixou o rating em escala global da Vale de Baa3 para Ba1. Além disso, alterou a perspectiva para negativa, quando ela anteriormente estava em revisão para eventual rebaixamento. Com isso, o rating da empresa perdeu o grau de investimento.

A agência diz que desse modo conclui a avaliação para eventual rebaixamento iniciada em 29 de janeiro, em resposta ao rompimento da barragem do Córrego do Feijão, em Brumadinho.

A Vale tem um risco de crédito maior após o episódio e consideráveis incertezas associadas ao impacto total e às implicações de longo prazo do impacto total no perfil de crédito da empresa, bem como uma exposição significativa a litígios futuros que devem perdurar por anos, afirma a Moody's.

Segundo a agência, a posição financeira "robusta" da Vale lhe dá um bom colchão para potenciais impactos financeiros, mas o acidente gera preocupações de uma perspectiva social, ambiental e de governança corporativa, "em particular levando-se em conta que ele ocorreu pouco mais de três anos após a ruptura da barreira da Samarco", também em Minas Gerais.

A Vale e a BHP Billiton são as controladoras da Samarco, a responsável por uma barragem que rompeu em Mariana em 2015, também em Minas Gerais.

Na opinião da Moody's, após o acidente a Vale articulou um esforço abrangente de resposta, para dar assistência humanitária e ajuda emergencial às vítimas, bem como reforçar o monitoramento e a inspeção de barragens. "Porém segue incerto neste momento a extensão total dos custos, pedidos e o impacto geral no negócio deste acidente sobre a reputação, operações e resultados financeiros da Vale", afirma a nota.

A perspectiva negativa incorpora incertezas sobre o momento de desembolsos futuros relacionados ao acidente. Para além disso, há riscos com investigações em andamento sobre a causa do acidente e responsabilidades, diz a Moody's.

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Saúde

Jaraguá terá novas medidas contra covid-19 a partir de 1º de março

Medida terá validade por 15 dias
Jaraguá terá novas medidas contra covid-19 a partir de 1º de março
Saúde

Com novo decreto, Prefeitura de Jaraguá detalha restrições

O Governo do Estado publicou o Decreto 1.172 nesta sexta-feira (26) suspendendo o funcionamento de serviços não essenciais das 23h desta sexta-feira (26) até às 6h de segunda-feira (1º)
Com novo decreto, Prefeitura de Jaraguá detalha restrições
Saúde

Governo decreta fechamento de atividades não essenciais no fim de semana em SC

A decisão é mais uma medida do Executivo estadual para reforçar o enfrentamento ao coronavírus em um momento de agravamento da situação sanitária em Santa Catarina
Governo decreta fechamento de atividades não essenciais no fim de semana em SC
Economia

Câmara de Dirigentes Lojistas de Jaraguá do Sul inova com lançamento do CDL BOX

Além de beneficiar clientes e lojistas, a ferramenta ainda servirá para ajudar instituições jaraguaenses cadastradas.
Câmara de Dirigentes Lojistas de Jaraguá do Sul inova com lançamento do CDL BOX
Ver mais de Economia