caragua
caragua mobile
ECONOMIA

Monitor do PIB recua 0,4% em fevereiro ante janeiro, revela FGV

17 Abr 2019 - 09h51Por Daniela Amorim

O Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro encolheu 0,4% na passagem de janeiro para fevereiro, segundo o Monitor do PIB, apurado pelo Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getulio Vargas (Ibre/FGV) e divulgado nesta quarta-feira, 17. Na comparação com o segundo mês de 2018, porém, a atividade econômica avançou 2,3% em fevereiro deste ano.

"O recuo de 0,4% do PIB em fevereiro, de acordo com o Monitor do PIB-FGV, é consequência das retrações nas três grandes atividades econômicas (agropecuária, indústria e serviços). Apesar disso, os resultados interanuais mostram melhora substancial da economia, tanto pelo lado da oferta quanto pelo lado da demanda. Essas variações opostas retratam o cenário econômico vivido atualmente no País: a economia ainda evolui positivamente com relação ao ano de 2018, porém não consegue reagir em 2019 dada a grande incerteza com relação ao cenário político e às reformas necessárias para que a economia deslanche. Aparentemente a economia está em modo de espera", avaliou Claudio Considera, coordenador do Monitor do PIB-FGV, em nota oficial.

Na passagem de janeiro para fevereiro, o PIB agropecuário diminuiu 3,0%, o PIB industrial encolheu 1,3% e o PIB dos serviços caiu 0,1%.

Na comparação com fevereiro de 2018, houve perdas apenas nas atividades agropecuária (-0,2%) e indústria extrativa mineral (-8,8%), como consequência do rompimento de uma barragem da Vale na região de Brumadinho, em Minas Gerais, no fim de janeiro. A indústria de transformação cresceu 3,4%, o comércio teve expansão de 5,0%, e os transportes tiveram avanço de 3,2%.

Sob a ótica da demanda, ainda em relação a fevereiro do ano passado, as quedas ocorreram no consumo do governo (-0,6%) e nas importações (-10,0%). O consumo das famílias aumentou 3,8%, enquanto a Formação Bruta de Capital Fixo (FBCF, medida dos investimentos no PIB) teve elevação de 5,1%. Em termos monetários, o PIB totalizou aproximadamente R$ 1,154 trilhão em valores correntes no primeiro bimestre do ano.

caragua mobile

Matérias Relacionadas

Economia

SC responde por 11% do crédito aprovado pelo BNDES no primeiro trimestre

Aprovações de financiamentos chegam a R$ 2,8 bilhões de janeiro a março, incremento de 167,5% frente a igual período de 2023
SC responde por 11% do crédito aprovado pelo BNDES no primeiro trimestre
Economia

Mercado aumenta previsão da inflação de 4% para 4,05% em 2024

Projeção de expansão da economia é de 2,15% este ano, diz BC
Mercado aumenta previsão da inflação de 4% para 4,05% em 2024
Economia

Estado emite Nota com recomendações para reforçar medidas de biosseguridade em granjas avícolas

Estado reforça que o consumo da carne de aves e ovos de estabelecimentos avícolas inspecionados pelo Serviço Veterinário Oficial permanece seguro à população
Estado emite Nota com recomendações para reforçar medidas de biosseguridade em granjas avícolas
Economia

Abertura de empresas em Jaraguá do Sul é superior à média estadual

A desburocratização é apontada como um dos fatores que tem incentivado o empreendedorismo no Estado
Abertura de empresas em Jaraguá do Sul é superior à média estadual
Ver mais de Economia