ECONOMIA

Marinho conversará com líderes para entender cronograma na CCJ

22 Mar 2019 - 12h35Por Mateus Fagundes

O secretário especial de Previdência e Trabalho, Rogério Marinho, disse à Rádio Bandeirantes do Rio Grande do Sul que vai procurar líderes da Câmara na próxima semana para tratar do cronograma da reforma da Previdência na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ).

"Vamos na próxima semana buscar uma conversa com líderes até para entendermos cronograma da CCJ. Já na segunda-feira isso será trabalhado e na terça ou quarta-feira será anunciado à sociedade como um todo", afirmou o secretário na entrevista.

Marinho reiterou também que o Congresso é "soberano" para tratar da reforma da Previdência e que o governo defende o projeto "como um todo". "O projeto que nós encaminhamos ao Congresso é o que nós achamos como adequado, até para que o Brasil possa resgatar a possibilidade de investimento. Evidente que o Parlamento tem autonomia para fazer alterações que achar conveniente", disse.

O secretário disse também que qualquer alteração nas idades mínimas de 62 anos para mulheres e 65 para homens iria na contramão do crescimento demográfico. "Se houver uma proposta de alteração, significa um impacto fiscal que precisa ser discutido", disse.

Questionado sobre se trabalha com alguma alternativa à reforma da Previdência, Marinho foi categórico: "Eu nem concebo esta hipótese, seria uma catástrofe."

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Economia

Calendário de restituições não muda com novo prazo do Imposto de Renda

Reembolso continuará a ser feito entre maio e setembro
Calendário de restituições não muda com novo prazo do Imposto de Renda
Economia

Cooper inicia distribuição do Retorno das Sobras

Os mais de R$ 13,5 milhões chegam em forma de crédito para cooperados em um momento importante para a retomada da economia
Cooper inicia distribuição do Retorno das Sobras
Economia

Receita adia o prazo de entrega da Declaração de Imposto de Renda

Novo prazo se encerrará no dia 31 de maio
Receita adia o prazo de entrega da Declaração de Imposto de Renda
Economia

Prazo para contestar auxílio emergencial negado termina hoje

Pedidos devem ser feitos na página da Dataprev na internet
Prazo para contestar auxílio emergencial negado termina hoje
Ver mais de Economia