105 Ouça
Caraguá
ECONOMIA

Maia diz que nova Previdência permitirá melhor ambiente fiscal nos Estados

23 Mar 2019 - 17h12Por Nayara Figueiredo

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), afirmou neste sábado que a reforma da Previdência permitirá um ambiente fiscal mais favorável para as contas públicas estaduais. "A reforma passa por um ambiente melhor nos Estados e municípios", disse, o que justifica encontros como o que teve neste sábado com o governador de São Paulo, João Doria.

Segundo Maia, seu diálogo com os governadores acontece desde que foi reeleito, mas no caso específico de São Paulo, "Doria se mostra preocupado com a reforma da Previdência", reforçou.

No encontro, o governador de São Paulo, João Doria, declarou apoio incondicional à postura do presidente da Câmara dos Deputados pela aprovação da reforma da Previdência. "Apoiamos a relevância de Maia como líder na Câmara pela reforma", disse Doria após almoço com Maia na capital paulista.

Sobre os atritos envolvendo o líder da Câmara e o presidente da República, Jair Bolsonaro, Doria afirmou que é importante que Bolsonaro entenda "a relevância de uma relação harmônica" entre os poderes Executivo e Legislativo.

Na avaliação de Doria, sem a reforma da Previdência aprovada neste ano, o Brasil terá "sérios problemas fiscais".

GNet

Matérias Relacionadas

Segurança

Banco Central comunica vazamento de dados de 160,1 mil chaves Pix

Foram vazados dados cadastrais da Acesso Pagamentos
Banco Central comunica vazamento de dados de 160,1 mil chaves Pix
Economia

Presidente negocia PEC para zerar impostos sobre combustíveis

Em 2021, a gasolina e o diesel subiram 47%, Etanol acumula alta de 62%
Presidente negocia PEC para zerar impostos sobre combustíveis
Economia

Sindicato dos Metalúrgicos da região e classe patronal fecham reajuste para 2022

Confira o reajuste que será concedido aos trabalhadores
Sindicato dos Metalúrgicos da região e classe patronal fecham reajuste para 2022
Geral

Mega-Sena acumula e próximo concurso deve pagar R$ 22 milhões

Próximo sorteio será no sábado
Mega-Sena acumula e próximo concurso deve pagar R$ 22 milhões
Ver mais de Economia