GNet
Economia

Lucro da WEG no terceiro trimestre passa de R$ 800 milhões

O faturamento da empresa jaraguaense no período passou de R$ 6 bilhões, com crescimento de quase 30% em comparação com o mesmo período de 2020

27 Out 2021 - 10h28Por Janici Demetrio
Lucro da WEG no terceiro trimestre passa de R$ 800 milhões - Crédito: Arquivo / Divulgação Crédito: Arquivo / Divulgação

A WEG, maior empresa de Jaraguá e uma das maiores do país, divulgou nesta quarta-feira (27) seu balanço referente ao terceiro trimestre de 2021. O faturamento da fabricante de motores elétricos e soluções industriais nos meses de juho, agosto e setembro foi de R$ 6,198 bilhões alta de 29,1% na comparação com o mesmo período de 2020.

O lucro da WEG também impressionou os analistas de mercado, chegando a R$ 812,9 milhões, resultado 26,2% maior que no terceiro trimestre do ano passado.

A comparação com o segundo trimestre desse ano mostra um crescimento de 7,8% no faturamento, mas uma queda de 28,4%. Segundo comunicado da WEG, o resultado foi impactado “pelos desafios observados na cadeia de suprimentos global e consequente aumento dos custos da matéria-prima”

Quer saber das notícias de Jaraguá do Sul e região? Participe dos nosso grupos do WhatsApp ou do Telegram!

GNet

Matérias Relacionadas

Saúde

Covid-19: ministro anuncia proibição de voos oriundos de seis países

Variante Ômicron preocupa autoridades sanitárias
Covid-19: ministro anuncia proibição de voos oriundos de seis países
Economia

Começa a Compra Premiada em Guaramirim

Ação vai distribuir R$ 42 mil em prêmios
Começa a Compra Premiada em Guaramirim
Economia

Jaraguá é destaque entre as Melhores Cidades para Fazer Negócios

Revista Exame aponta que avanço na vacinação contra a covid-19 trouxe reflexos na economia
Jaraguá é destaque entre as Melhores Cidades para Fazer Negócios
Economia

Liminar suspende crédito consignado sem autorização

Para falar mais sobre o assunto, nós recebemos no Diário da Jaraguá desta sexta-feira (26) o diretor do Procon de Jaraguá do Sul Ronnie Lux
Liminar suspende crédito consignado sem autorização
Ver mais de Economia