Delivery Much
ECONOMIA

Inflação baixa pode levar Fed a cortar juros, diz Kudlow

26 Abr 2019 - 12h33Por Sergio Caldas

O diretor do Conselho Econômico Nacional da Casa Branca, Larry Kudlow, disse hoje que o Federal Reserve (Fed, o banco central dos Estados Unidos) deveria cortar juros, apesar do forte desempenho da economia americana, que cresceu a um ritmo anualizado de 3,2% no primeiro trimestre, bem acima das expectativas de analistas.

Em entrevista à emissora CNBC, Kudlow ressaltou que a taxa de inflação dos EUA tem desacelerado cada vez mais, o que pode abrir o caminho para o Fed reduzir juros nos próximos meses.

Kudlow também comentou que a economia forte dos EUA permite que Washington seja "muito agressivo" nas negociações comerciais com a China, que serão retomadas na próxima semana, em Pequim. Ele disse estar "cautelosamente otimista" em relação à possibilidade de os EUA fecharem um acordo comercial com os chineses.

Ainda na entrevista, Kudlow disse que as políticas do governo do presidente Trump estão reconstruindo a economia, que vem ganhando - e não perdendo - ímpeto.

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Geral

Santa Catarina exigirá rastreabilidade do leite para dar mais segurança ao consumidor

Na prática, os estabelecimentos que recebem leite ou processam leite cru refrigerado terão que rastrear toda a matéria-prima e solicitar os exames de brucelose e tuberculose dos bovinos de seus fornecedores
Santa Catarina exigirá rastreabilidade do leite para dar mais segurança ao consumidor
Geral

IPVA 2021: prazo para pagamento em cota única termina no dia 1º de fevereiro

O prazo para pagamento em três vezes sem juros terminou no último dia 10
Economia

Apostador de Fortaleza acerta os seis números sorteados na Mega-Sena

Os números sorteados neste sábado foram 02, 09, 34, 49, 51, 55
Apostador de Fortaleza acerta os seis números sorteados na Mega-Sena
Economia

Nascidos em outubro podem sacar auxílio emergencial a partir de hoje

Serão beneficiadas 3,5 milhões de pessoas
Nascidos em outubro podem sacar auxílio emergencial a partir de hoje
Ver mais de Economia