Joaçaba Pneus
ECONOMIA

Em 2018, taxa de desemprego cai em 18 das 27 unidades da federação, diz IBGE

22 Fev 2019 - 11h27Por Daniela Amorim

A taxa de desocupação média teve recuo em 18 das 27 unidades da federação em 2018, na comparação com a média de 2017. As informações são da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (Pnad Contínua), que foi divulgada nesta sexta-feira, 22, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Segundo a pesquisa, as quedas ocorreram em Mato Grosso (-1,1 ponto porcentual), Tocantins (-1,1 p.p.), Minas Gerais (-0,5 p.p.), Ceará (-1,3 p.p.), Goiás (-1,4 p.p.), Mato Grosso do Sul (-0,9 p.p.), Rio Grande do Sul (-0,3 p.p.), Santa Catarina (-0,7 p.p.), Paraná (-0,2 p.p.), São Paulo (-0,1 p.p.), Espírito Santo (-1,6 p.p.), Pernambuco (-1,0 p.p.), Paraíba (-0,3 p.p.), Rio Grande do Norte (-0,9 p.p.), Piauí (-0,1 p.p.), Pará (-0,7 p.p.), Amazonas (-1,8 p.p.) e Acre (-0,6 p.p.).

Os Estados com as maiores taxas de desemprego em 2018 foram Amapá (20,2%), Alagoas (17,0%) Pernambuco (16,7%) e Sergipe (16,6%).

Em contrapartida, as menores taxas foram observadas em Santa Catarina (6,4%), Mato Grosso do Sul (7,6%) e Mato Grosso (7,9%).

A taxa de desocupação média no Estado de São Paulo foi de 13,3% no ano de 2018, de acordo com o IBGE.

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Economia

Isto é Dinheiro destaca Jaraguá do Sul como modelo para o Brasil

Revista de circulação nacional conta como a cidade se tornou referência em empreendedorismo ao unir iniciativa privada e setor público
Isto é Dinheiro destaca Jaraguá do Sul como modelo para o Brasil
Economia

Para FIESC, reforma da previdência estadual é oportuna, necessária e urgente

Segundo o governo do estado, a previdência estadual tem um déficit financeiro total de R$ 4,8 bilhões anuais, considerando servidores civis e militares.
Para FIESC, reforma da previdência estadual é oportuna, necessária e urgente
Economia

WEG e Engie Brasil Energia, concluem instalação do primeiro aerogerador nacional

Turbina eólica instalada em Tubarão/SC faz parte do projeto do primeiro Aerogerador Nacional, que tem por objetivo desenvolver tecnologia e cadeia produtiva nacionais para a fabricação e instalação de equipamentos de grande porte no país
WEG e Engie Brasil Energia, concluem instalação do primeiro aerogerador nacional
Economia

Saiba se você tem direito e como fazer o cadastro para receber o auxílio emergencial

A expectativa é que 67 mil pessoas sejam beneficiadas em Santa Catarina
Saiba se você tem direito e como fazer o cadastro para receber o auxílio emergencial
Ver mais de Economia