ECONOMIA

Eduardo Cury será relator da reforma da Previdência na comissão especial

20 Mar 2019 - 23h28Por Naira Trindade

Em uma jogada ensaiada com o ministro da Economia, Paulo Guedes, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, vai oficializar nos próximos dias o nome do deputado Eduardo Cury (PSDB-SP) como relator da reforma da Previdência na comissão especial que trata o assunto na Câmara. Quando a proposta do ex-presidente Michel Temer estava em análise pela Câmara, ele não quis responder ao Placar do Estadão como votaria.

A escolha de Cury ao posto que ganhará muita relevância na Câmara nos próximos meses é do próprio secretário da Previdência, Rogério Marinho. Filiados ao PSDB, Marinho e Cury se aproximaram ainda na Câmara, onde trabalharam juntos nos últimos quatro anos. Marinho escolheu Cury pelo seu perfil centrado e trabalhador. Na mesa de Marinho havia outros nomes com este mesmo perfil, como o de Reinhold Stephanes. Ao jornal O Estado de S.Paulo, Marinho disse que essa não é uma pauta de partido político, mas de País e o nome escolhido tem de estar comprometido com a pauta. Ele não quis confirmar a escolha de Cury.

A aliados do Centrão, Rodrigo Maia havia demonstrado resistência em indicar o tucano à relatoria da PEC 6/2019. A ideia inicial de Maia era encontrar um nome de consenso dentro desse bloco que atuou unido durante a campanha presidencial. Dentre as principais opções deste grupo, estava o nome de Aguinaldo Ribeiro (PP-PB).

Depois de uma série de reuniões, Rodrigo Maia foi convencido por Marinho e Guedes a ceder. Aguinaldo, porém, passa a ser cotado para a cadeira de relator da proposta da reforma da Previdência na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara.

Deputado reeleito, Cury foi prefeito de São José dos Campos (SP) por dois mandatos consecutivos, de 2005 a 2012. Lá, também atuou como chefe de gabinete do então prefeito Emanoel Ernandes e secretário de Transportes (1997/2002). É formado em engenharia industrial mecânica.

Há três semanas cotado para assumir a relatoria da Previdência, Eduardo Cury já vinha estudando o texto da matéria. Ele terá nas mãos a missão de convencer os deputados a aprovar o texto que propor. Dentro do seu próprio partido, o PSDB, sabe que não tem maioria definida em torno do texto apresentado pelo governo. Cury, porém, já demonstrou a aliados estar disposto a iniciar o diálogo.

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Economia

Caixa sorteia R$ 30 milhões da Dupla-Sena da Páscoa neste sábado

Apostas podem ser feitas até as 19h
Caixa sorteia R$ 30 milhões da Dupla-Sena da Páscoa neste sábado
Economia

WEG anuncia novos investimentos em Minas Gerais

Com uma nova fábrica de Eletrocentros em Betim, companhia pretende fortalecer sua posição em um dos mais importantes mercados de equipamentos elétricos industriais e para geração de energia do país
WEG anuncia novos investimentos em Minas Gerais
Economia

Petrobras aumenta preços do diesel e da gasolina nas refinarias

Litro do diesel passará a custar R$ 2,76, e o da gasolina, R$ 2,64
Petrobras aumenta preços do diesel e da gasolina nas refinarias
Economia

Seifert Óptica e Joalheria completa 35 anos em Jaraguá do Sul

Para falar um pouco sobre a trajetória da empresa, Guido e Gabriel Seifert participaram ao vivo do Diário da Jaraguá desta sexta-feira (16)

Seifert Óptica e Joalheria completa 35 anos em Jaraguá do Sul
Ver mais de Economia