ECONOMIA

Economia da China enfrenta nova pressão baixista, diz primeiro-ministro chinês

15 Mar 2019 - 03h57Por Dow Jones Newswires

O governo da China vai considerar cortes nas taxas de juros e na taxa de reservas compulsórias dos bancos para conter novas pressões sobre a economia, disse o primeiro-ministro chinês, Li Keqiang, nesta sexta-feira, 15.

Em coletiva de imprensa ao final do Congresso Nacional do Povo, Li afirmou que Pequim precisa manter o crescimento econômico dentro de um intervalo razoável para evitar ondas de demissões.

A economia chinesa registrou, em 2018, o crescimento mais lento em quase 30 anos, e o ritmo de desaceleração permanece no início de 2019. Em resposta ao enfraquecimento da atividade econômica, no começo deste mês o governo cortou impostos para o setor industrial, entre outros, e anunciou um aumento da emissão de títulos do governo local para estimular os investimentos em infraestrutura.

Em uma tentativa de compensar a perda de receita com os cortes de impostos, Li disse que o governo central levantou cerca de 1 trilhão de yuans (US$ 148,8 bilhões) ao recolher dividendos mais altos de instituições financeiras estatais e outras empresas públicas. Além disso, também foi demandando um corte de gastos de governos de todos os níveis.

O premiê disse ainda esperar que a China e os Estados Unidos consigam chegar a um acordo mutuamente benéfico em suas negociações comerciais.

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Economia

Senado aprova suspensão no aumento de preço de medicamentos em 2021

Texto determina a reversão de reajustes já aplicados neste ano
Senado aprova suspensão no aumento de preço de medicamentos em 2021
Economia

Programa de redução de salário preserva 1,5 milhão de empregos

Empresas de serviço e de comércio têm usado mais programa do governo
Programa de redução de salário preserva 1,5 milhão de empregos
Economia

Petrobras obtém lucro de mais de R$ 1 bilhão no primeiro trimestre

Empresa aumentou produção de petróleo e gás natural em 3%
Petrobras obtém lucro de mais de R$ 1 bilhão no primeiro trimestre
Saúde

Guaramirim fará vacinação da covid nesta sexta-feira em idosos acima de 60 anos

Serão atendidos os idosos pré-cadastrados do número 3511 até o 3751
Guaramirim fará vacinação da covid nesta sexta-feira em idosos acima de 60 anos
Ver mais de Economia