ECONOMIA

Confaz rejeita pedido de SP para ingressar em convênio que reduz ICMS sobre QAV

16 Mai 2019 - 15h33Por Bárbara Nascimento

O Conselho Nacional de Política Fazendária (Confaz) rejeitou nesta quinta-feira, 16, o pedido de São Paulo para ingressar no convênio que permite a alguns Estados baixar o ICMS sobre o querosene de aviação (QAV). Dessa forma, o Estado terá que tentar baixar o tributo via Assembleia Legislativa.

O governo de São Paulo anunciou no início do ano uma diminuição de ICMS sobre QAV de 25% para 12% em troca da garantia de mais voos saindo do Estado. A legislação permite que, até o porcentual de 12%, se faça a redução sem aval do Confaz, mas seria necessário uma aprovação do legislativo estadual, o que torna o processo mais demorado. Por isso, o Estado já tinha avisado que tentaria fazer a redução pelas duas frentes, via convênio do Confaz e via Alesp.

A decisão de São Paulo de baixar o ICMS causou uma reação de outros Estados, como Rio de Janeiro e Distrito Federal, que também pediram redução de seus porcentuais ao Confaz. Nenhum desses pedidos foi acatado nesta quinta-feira.

Matérias Relacionadas

Economia

Bolsonaro confirma mais duas parcelas do auxílio emergencial

Valor será menor do que os atuais R$ 600
Bolsonaro confirma mais duas parcelas do auxílio emergencial
Economia

Caixa libera saque da 2ª parcela de auxílio para nascidos em maio

Mais de 50 bancos participam da operação de pagamento
Caixa libera saque da 2ª parcela de auxílio para nascidos em maio
Economia

Petrobras reajusta em 5% preço do gás de cozinha

Preço médio da estatal será equivalente a R$ 24 por botijão de 13 kg
Santa Catarina

Empresômetro aponta mais de 946 mil empresas ativas em Santa Catarina

Nos quatro primeiros meses de 2020, foram abertos 49 mil negócios no estado
Empresômetro aponta mais de 946 mil empresas ativas em Santa Catarina
Ver mais de Economia