transito
ECONOMIA

Base aliada terá de fazer trabalho hercúleo para aprovar reforma, diz deputada

26 Fev 2019 - 14h17Por Cynthia Decloedt , Francisco Carlos de Assis e Gustavo Porto

A deputada federal Joice Hasselmann (PSL-SP) disse que a base aliada terá de fazer um trabalho hercúleo para ter a reforma da Previdência aprovada dentro do prazo desejado pelo governo. "A expectativa é conseguir aprovar a reforma da Previdência na Câmara até o final de maio e os remédios do regimento vão ajudar a acelerar", comentou, durante o CEO Brasil 2019 Conference, promovido pelo BTG Pactual em São Paulo.

Joice Hasselmann afirmou que houve encontro no último domingo com os presidentes das duas casas, Câmara e Senado, e o núcleo duro do governo, representantes da área econômica e política, para destravar qualquer problema para que a reforma flua. "Será um trabalho de convencimento e de aproximação com o Congresso", observou.

A deputada comentou também que está trabalhando em "remédios" no regimento interno da Câmara com o objetivo de "evitar o que a oposição sabe fazer, que é atrapalhar a vida do parlamento, com obstrução de pautas".

De acordo com ela, o presidente está preocupado com a possibilidade de o texto que foi enviado ao Congresso para a reforma ser desvirtuado. "Vai ter de ter a digital do Parlamento, mas trabalharemos para ter a meta de economizar R$ 1 trilhão em dez anos", acrescentou

Joice Hasselmann disse ainda que, na quarta-feira, 27, está prevista uma reunião com o ministro da Economia, Paulo Guedes para tratar sobre o "desenrolar" da reforma. "Depois do Carnaval, teremos aceleração ainda maior das conversas para chegar aos nossos prazos", disse ainda.

Matérias Relacionadas

Economia

Após chuvas, Gramado tem mais de 500 hotéis e restaurantes fechados

Temporais e deslizamentos deixaram 1 mil desabrigados
Após chuvas, Gramado tem mais de 500 hotéis e restaurantes fechados
Política

Modal ferroviário é tema de debate na Assembleia Legislativa de Santa Catarina

Encontro foi proposto pelo deputado Antídio Lunelli, presidente da Comissão de Transportes e Desenvolvimento Urbano da Alesc
Modal ferroviário é tema de debate na Assembleia Legislativa de Santa Catarina
Economia

Retrocesso econômico e revogação da desoneração da folha

O governo gasta mal e pretende economizar da pior forma ao atingir o próprio desenvolvimento com perspectiva de demissões
Retrocesso econômico e revogação da desoneração da folha
Economia

Receita abre consulta a maior lote de restituição do IR da história

Cerca de 5,6 milhões de contribuintes receberão R$ 9,5 bilhões
Receita abre consulta a maior lote de restituição do IR da história
Ver mais de Economia