Pais

Vendas parceladas no Dia dos Pais caem 7,15%

16 Ago 2016 - 13h50
O comércio varejista registrou nova queda nas vendas para o Dia dos Pais. De acordo com o indicador calculado pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL), as vendas a prazo caíram 7,15% entre os dias 7 e 13 de agosto, na comparação com o mesmo período do ano passado. É a terceira queda consecutiva, mas em um ritmo menos intenso que em 2015.

Em anos anteriores, as variações foram de -11,21% (2015), -5,09% (2014), +3,78% (2013), +4,75% (2012), +6,86% (2011) e +10% (2010).

O Dia dos Pais é a primeira data comemorativa do segundo semestre, e por mais que fique atrás do Natal, Dia das Mães e Dia dos Namorados no volume de vendas, funciona como um termômetro para as próximas datas, como Dias das Crianças e Natal.

 

Fonte - G1
Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Saúde

Butantan paralisa produção de vacinas por falta de insumos

China ainda não liberou envio de 10 mil litros de IFA
Butantan paralisa produção de vacinas por falta de insumos
Geral

Prova de vida do INSS volta a valer a partir de junho nas agências

Quem não atender convocação terá benefício bloqueado
Prova de vida do INSS volta a valer a partir de junho nas agências
Economia

Petrobras obtém lucro de mais de R$ 1 bilhão no primeiro trimestre

Empresa aumentou produção de petróleo e gás natural em 3%
Petrobras obtém lucro de mais de R$ 1 bilhão no primeiro trimestre
Saúde

Anvisa autoriza uso emergencial de coquetel contra a covid-19

Medicação deve ser usada no início dos sintomas da doença
Anvisa autoriza uso emergencial de coquetel contra a covid-19
Ver mais de Brasil