Eleições 2020
demissões

Setor de telefonia sofre com onda de demissões

04 Ago 2016 - 11h56
As operadoras de telefonia passam por uma nova onda de demissões. Após a TIM cortar 1,7 mil no mês passado, a Telefônica Brasil, dona da marca Vivo, deve desligar cerca de 2 mil funcionários como resultado da integração com a GVT, após já ter feito cortes no ano passado, segundo a Federação Nacional dos Trabalhadores em Empresas de Telecomunicações (Fenattel).

A estimativa da federação é de um corte de 10 mil trabalhadores nas operadoras desde 2015. No Rio, a BTCC, empresa de call center do grupo Oi, vai demitir 800 trabalhadores neste mês, mas os postos serão transferidos para Recife, diz a Fenattel. As informações são do jornal O Estado de São Paulo.

Matérias Relacionadas

Economia

Procura das empresas por crédito tem queda de 3,3% em setembro

É o terceiro mês consecutivo de queda
Procura das empresas por crédito tem queda de 3,3% em setembro
Saúde

Termina oficialmente na sexta-feira a campanha vacinação

Crianças de 1 a menos de cinco anos devem ser imunizadas contra a pólio; menores de 15 anos recebem a multivacinação
Termina oficialmente na sexta-feira a campanha vacinação
Geral

CNJ quer estimular leitura e esporte para ressocializar presos

Proposta contempla redução da pena de presos já condenados
CNJ quer estimular leitura e esporte para ressocializar presos
Geral

Incêndio atinge Hospital Federal de Bonsucesso, no Rio

Causas do incêndio ainda são desconhecidas
Incêndio atinge Hospital Federal de Bonsucesso, no Rio
Ver mais de Brasil