Pesquisa

Produção da indústria cai em 8 dos 14 locais pesquisados em maio

07 Jul 2016 - 12h49
A produção industrial caiu em 8 dos 14 locais pesquisados em maio na comparação com o mês anterior, informou nesta quinta-feira (7) o Instituto Brasileiro de Geografia Estatística (IBGE). Os estados que mostraram os maiores recuos foram Paraná (-3,5%), Goiás (-2,3%), Pará (-1,9%) e São Paulo (-1,6%).

Na contramão, a indústria do Amazonas cresceu 16,2%, recuperando a queda de 12,5% sofrida em abril. Também tiveram taxas positivas Rio Grande do Sul (4,4%), Espírito Santo (3,8%), região Nordeste (1,6%), Ceará (1,4%) e Santa Catarina (0,1%).

Em maio, a produção nacional da indústria ficou estável em relação a abril.

Na comparação com maio do ano passado, o setor, que recuou 7,8%, mostrou que 12 tiveram queda na produção, com destaque para Espírito Santo (-18,9%) e Paraná (-11,0%). Por outro lado, a atividade em Mato Grosso teve expansão de 14,6%, no Pará, de 7,8%, e na região Nordeste, de 0,3%.

No ano
De janeiro a maio de 2016, a produção nacional caiu em 12 locais. A retração foi mais intensa que a média nacional (-9,8%) no Espírito Santo (-21,6%), Amazonas (-18,8%) e Pernambuco (-18,7%).

Pará (9,6%), Mato Grosso (7,4%) e Bahia (1,2%) assinalaram os avanços no índice acumulado no ano.

 

 

G1 em São Paulo

Matérias Relacionadas

Saúde

WEG comunica o fornecimento de ventiladores pulmonares para o Sistema Único de Saúde (SUS)

Para atender o momento crítico da pandemia, Companhia vai entregar os primeiros equipamentos ainda esta semana
WEG comunica o fornecimento de ventiladores pulmonares  para o Sistema Único de Saúde (SUS)
Economia

Governo defende reformas após a pandemia para recuperar o PIB

Ministério da Economia também pede manutenção do teto de gastos
Governo defende reformas após a pandemia para recuperar o PIB
Economia

Beneficiários do auxílio emergencial podem pagar compras via celular

A Caixa Econômica Federal liberou uma atualização do aplicativo Caixa Tem que permite o pagamento por meio de código QR
Beneficiários do auxílio emergencial podem pagar compras via celular
Geral

Governo prorroga até 30 de setembro prazo para alistamento militar

Medida foi adotada devido ao enfrentamento da pandemia de covid-19
Governo prorroga até 30 de setembro prazo para alistamento militar
Ver mais de Brasil