Inflação

Mercado financeiro espera que inflação feche o ano em 6,88%

31 Out 2016 - 11h30
Instituições financeiras consultadas pelo Banco Central (BC) esperam por inflação menor neste ano. De acordo com a pesquisa Focus, divulgada às segundas-feiras pelo BC, a projeção para a inflação, medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), caiu pela sétima vez seguida, ao passar de 6,89% para 6,88%.

Para 2017, a estimativa segue em 5%. As projeções ultrapassam o centro da meta que é 4,5%. O teto da meta é 6,5%, este ano, e 6% em 2017.

A projeção de instituições financeiras para a queda da economia (Produto Interno Bruto – PIB – a soma de todas as riquezas produzidas pelo país), este ano passou pela quarta piora seguida, ao ser ajustada de 3,22% para 3,30%. Para 2017, a expectativa de crescimento foi reduzida de 1,23% para 1,21%.

Taxa básica

Com a expectativa de retração da economia e inflação menor, as instituições financeiras esperam que a taxa básica de juros, a Selic, encerre 2017 em 13,50% ao ano. Atualmente, a Selic está em 14% ao ano.

 

Agência Brasil

Matérias Relacionadas

Futebol

Fluminense avança e Vasco é eliminado da Taça Rio

Apesar da má atuação a equipe de Odair Hellmann garantiu a liderança do Grupo B
Fluminense avança e Vasco é eliminado da Taça Rio
Geral

Bolsonaro vai sobrevoar regiões atingidas por ciclone

O governador de Santa Catarina Carlos Moisés confirmou que vai decretar estado de calamidade pública no estado por conta dos estragos.
Bolsonaro vai sobrevoar regiões atingidas por ciclone
Saúde

Covid-19: país tem 61,8 mil mortes e 1,49 milhão de casos confirmados

Até o momento, 852 mil pessoas se recuperaram da doença
Covid-19: país tem 61,8 mil mortes e 1,49 milhão de casos confirmados
Futebol

Flamengo e Botafogo avançam às semifinais da Taça Rio

Dupla aguarda definição dos adversários nesta quinta
Flamengo e Botafogo avançam às semifinais da Taça Rio
Ver mais de Brasil