Futebol

Levir se oferece para treinar Chape de forma voluntária. Time discute ideia

06 Dez 2016 - 14h35
"Ontem pela manhã acordei decidido a oferecer meu trabalho de forma voluntária à Chapecoense até o final do Campeonato Estadual em maio. Nesse momento de consternação, ofereço apenas uma mão e me coloco à disposição. Porém, essa é uma escolha que cabe ao Clube, ao seu tempo...", escreveu o técnico nas redes sociais.

Depois de se reunir na tarde da última segunda-feira (5), a diretoria do Verdão do Oeste se reunirá nesta terça-feira novamente para tratar sobre o futuro do time em 2017, especialmente após a confirmação que a equipe terá vaga na Libertadores.

Além de decidir sobre o nome que sucederá Caio Júnior, morto no acidente aéreo que vitimou 71 pessoas, a diretoria também discutirá outros nomes que a equipe precisará contratar para o seu departamento de futebol, incluindo comissão técnica, diretoria e elenco.

 

A atitude de Levir foi bem recebida pela diretoria, que vê no comandante um bom nome para a reconstrução da equipe. Em coletiva de imprensa na segunda-feira, o presidente do Conselho Deliberativo, Plínio David de Nes Filho, o Maninho, deu a dica de qual seria o perfil ideal para o posto.

"Nós definimos um perfil: ele tem títulos nacionais, experiência internacional e já conhece a casa", afirmou sem cravar um nome.

Nesses requisitos, Levir se encaixa em quase todos. Falta apenas conhecer a casa. O comandante, no entanto, já teve sucesso treinando o "vizinho" Criciúma na décaca de 1990, além de ter ido bem no comando do Blumenau e do Marcílio Dias, ambos de Santa Catarina.

Levir está sem clube desde o dia 6 de novembro, quando foi demitido do Fluminense após uma derrota por 4 a 2 para o Cruzeiro.

FONTE : UOL

Matérias Relacionadas

Geral

Governo destinará R$ 500 milhões para proteger mata nativa da Amazônia

Programa Floresta+ começa com projeto-piloto no Norte do país
Governo destinará R$ 500 milhões para proteger mata nativa da Amazônia
Futebol

Fluminense avança e Vasco é eliminado da Taça Rio

Apesar da má atuação a equipe de Odair Hellmann garantiu a liderança do Grupo B
Fluminense avança e Vasco é eliminado da Taça Rio
Geral

Bolsonaro vai sobrevoar regiões atingidas por ciclone

O governador de Santa Catarina Carlos Moisés confirmou que vai decretar estado de calamidade pública no estado por conta dos estragos.
Bolsonaro vai sobrevoar regiões atingidas por ciclone
Saúde

Covid-19: país tem 61,8 mil mortes e 1,49 milhão de casos confirmados

Até o momento, 852 mil pessoas se recuperaram da doença
Covid-19: país tem 61,8 mil mortes e 1,49 milhão de casos confirmados
Ver mais de Brasil