Covid - 19
Inflação

Expectativa de inflação dos consumidores volta a subir

24 Jun 2016 - 12h57
A inflação prevista pelos consumidores brasileiros para os 12 meses seguintes acelerou após cair por três meses seguidos, informou nesta sexta-feira a Fundação Getúlio Vargas (FGV). A expectativa de inflação subiu de 10,3% para 10,5% entre maio e junho.

A pesquisa considera a estimativa dos consumidores para a inflação medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), medida pelo IBGE.

“Essa leve alta (dentro da margem de erro estatístico) de 0,2 p.p. nas expectativas de inflação dos consumidores para os próximos 12 meses pode ser efeito da taxa de 0,78% do IPCA de maio (taxa em 12 meses de 9,32%) e do aumento anormal nos preços dos alimentos in natura", disse em nota o economista Pedro Costa Ferreira, da FGV/IBRE.

"Outro ponto que merece destaque é o aumento de 0,7 p.p. nas previsões de inflação dos consumidores no Rio de Janeiro, que pode estar refletindo uma expectativa de aumento de preços em virtude dos jogos Olímpicos que acontecerão na cidade”, afirma.

 

 

G1

Matérias Relacionadas

Geral

Guedes diz que Brasil precisa de apoio para preservação ambiental

Ministro destaca compromisso com soberania da Amazônia
Guedes diz que Brasil precisa de apoio para preservação ambiental
Economia

Setor de segurança tem alta de 40% na busca por tecnologia inteligente

Busca por portaria remota cresceu 20%, revela pesquisa
Setor de segurança tem alta de 40% na busca por tecnologia inteligente
Política

Fiocruz e dois hospitais devem criar protocolos para eleições, diz TSE

A medida se deve a pandemia do novo coronavírus
Fiocruz e dois hospitais devem criar protocolos para eleições, diz TSE
Economia

Mercado financeiro projeta queda de 6,1% na economia neste ano

A informação foi divulgada hoje pelo Banco Central
Mercado financeiro projeta queda de 6,1% na economia neste ano
Ver mais de Brasil