Imobiliária Coralli
Brasil

Brasil e Argentina fecham acordos de facilitação de comércio

03 Ago 2016 - 09h28
Os governos do Brasil e da Argentina assinaram hoje (2) dois acordos para facilitar o comércio entre os dois principais sócios do Mercosul, que atravessa uma crise institucional. O principal acordo cria o Certificado de Origem Digital (COD), que beneficiará os exportadores e importadores de ambos países, principalmente as pequenas e médias empresas, consideradas fundamentais para a recuperação econômica.

Atualmente, importadores e exportadores brasileiros levam de um a três dias para obter um certificado de origem, indispensável para concluir uma operação comercial. O acordo permitirá aos empresários obter o documento online em 30 minutos. Segundo o secretário de Comércio Exterior do Brasil, Daniel Godinho, “os custos com burocracia cairão cerca de 35%, beneficiando principalmente os pequenos e médios empresários, que são os que mais gastam com isso”.

O segundo acordo prevê a adoção de uma plataforma digital na Argentina similar ao Portal Único de Comércio Exterior do Brasil, criado para reduzir os prazos de processos de exportação e importação, equiparando o tempo ao dos países da Organização para a Cooperação e o Desenvolvimento Econômico (OCDE). A ideia e integrar os dois sistemas para facilitar o comércio bilateral.

Os acordos foram assinados ao final de uma visita de dois dias do ministro da Indústria, Comércio Exterior e Serviços, Marcos Pereira, a Buenos Aires. Na Argentina, ele se reuniu com empresários e com o ministro da Produção, Francisco Cabrera. Segundo Pereira, Brasil e Argentina já marcaram encontros em agosto, setembro e outubro para discutir acordos de integração comercial com a União Europeia (UE), o Canadá e os quatro países-membros do EFTA (sigla em inglês para Associação Europeia de Livre Comércio, integrada por Islândia, Liechtenstein, Noruega e Suíça). Com informações da Agência Brasil.

Matérias Relacionadas

Geral

Meu Plano D oferece cursos gratuitos para quem deseja empreender no segmento de doces

Os conteúdos são aplicados por confeiteiros e consultores de negócios, de maneira didática, com videoaulas, e-books e certificado de formação
Meu Plano D oferece cursos gratuitos para quem deseja empreender no segmento de doces
Saúde

IBGE: obesidade mais do que dobra na população com mais de 20 anos

Resultados são da Pesquisa Nacional de Saúde 2019
IBGE: obesidade mais do que dobra na população com mais de 20 anos
Política

Bolsonaro diz que governo federal não comprará vacina CoronaVac

A CoronaVac prevê a administração de duas doses por pessoa
Bolsonaro diz que governo federal não comprará vacina CoronaVac
Saúde

Brasil anuncia que vai comprar 46 milhões de doses da CoronaVac

Ministro da Saúde assina protocolo de intenções para adquirir a vacina
Brasil anuncia que vai comprar 46 milhões de doses da CoronaVac
Ver mais de Brasil